mc-Sgh9RXxg

Esta semana, o canal do REVIL traz um formato de vídeo um pouco diferente do que a gente está acostumado a ver. Nesta edição, eu falo um pouco da minha percepção de Resident Evil 7 e porque estou empolgada com o próximo do título da franquia.

Em um relato mais pessoal, são abordados alguns pontos que parecem tornar Resident Evil 7 um projeto diferente, como a definição de um caminho a ser seguido entre terror ou ação, a coragem da Capcom de reformular a franquia (finalmente) e a inclusão de elementos de gameplay que favorecem a imersão do jogador.

Acima de tudo, o propósito do vídeo é estimular o debate entre os fãs. Como você está se sentindo em relação a Resident Evil 7? Está empolgado? Decepcionado? Conta pra gente através dos comentários do vídeo ou aqui mesmo no site!

Vale lembrar que o canal do REVIL no YouTube tem pelo menos um vídeo toda semana, além de live streams e gameplays com os membros da equipe. Ao longo do mês de novembro o canal também vai passar por algumas mudanças e vocês devem ver alguns vídeos um pouco diferentes dos quadros que a gente está acostumado a mostrar.

Não esqueça de deixar o seu joinha, comentar e compartilhar o nosso conteúdo! E se você ainda não é um inscrito, trate de fazer isso já para não perder nenhum vídeo!

  • Marcos Alves

    Eu também estou empolgado com Resident 7. Com certeza ele faz parte da minha pequena lista de games que pretendo comprar já no lançamento.

  • Rodrigo Zika!

    Muito bacana a analise Bruna, penso que a partir de RE 4, a franquia ganhou novos fãs, e alguns das antigas gostaram, e outros não quiseram mais jogar, por ter mudado, já em RE 5 a franquia quis ganhar publico, no mercado de jogos de ação, que na época era Gears, e o jogo se inspirou muito nisso, ganhou novos fãs, porém perdeu alguns, pelo fato de mudar bastante, apos RE 4, já em RE 6 tentou agradar a todos, e não agradou muita gente, inclusive quem ainda joga, mesmo sendo das antigas, só que ganhou mais fãs, do mercado de jogos de ação, ai ficou tudo confuso, por isso creio que em RE 7, querem trazer as origens de volta, mesmo que a câmera seja igual outros jogos de terror, como mostrado em teasers, e vídeos, a franquia tem sua própria identidade, e isso voltou com força, só falta revelar se teremos inimigos conhecidos, como foi dito, veremos.

  • ratStar

    Show Bruna! Espero que tenham mais vídeos assim, com outros integrantes do Revil tbm. Assino embaixo de tudo o que vc disse. Tbm tô sentindo esse feeling de que dessa vez vem coisa boa. Lembro de um vídeo de vcs no canal do YouTube, logo antes da E3, em que vcs discutiam sobre o que esperar de RE. Em uma de suas falas vc disse que naquele momento sentia que a saga RE não era mais pra vc (no sentido de ter ficado com uma trama meio boba e infantil), que parecia que Resident Evil não conseguia acompanhar os fãs mais antigos e não amadureceu tão bem (foi algo mais ou menos assim que vc falou se eu não me engano). Naquele dia eu super me identifiquei com o que vc falou. RE 7 tá realmente com cara de ser mais pé no chão, por tudo o que foi (e pelo que não foi) mostrado até agora. Estou empolgado, ansioso, e na torcida pra que RE7 seja tudo aquilo que há muito tempo temos sonhado. Já subi no trem do hype faz tempo, coisa que não acontecia comigo a muitos anos se tratando de Resident Evil.

    • Rodrigo Zika!

      Verdade, pelo fato de ser em 1 pessoa, igual jogos atuais de terror, não significa que e imitação, pois o gameplay, e toda ambientação, pelo que foi mostrado ate aqui, mostra a atmosfera que a franquia perdeu de vez, apos RE 3.

      • ratStar

        Concordo. As pessoas sempre esperam que RE reinvente a roda. Tirem esse peso dos ombros da franquia! TLOU, Dead Space, entre outros ótimos jogos em 3a pessoa não revolucionaram o gameplay em praticamente nada e são jogos excelentes. Da mesma maneira, Outlast, Alien Isolation e P.T. só meio que aperfeiçoaram coisas que já existiam bem antes, como Amnésia. Esqueçam essa ideia de que pra um jogo ser excelente ele tem sempre que reinventar a roda. Isso é tolice.

        • Rodrigo Zika!

          E alguns achando que se não mostra o personagem na tela, não e RE, e desde quando a Capcom disse que RE, seria em 3 pessoa pra sempre né não? No caso de P.T nem jogo e, e sim um teaser, e foi cancelado kkkkkkkk, comparar e ridículo, e RE 7 a partir do momento, que tem combate e armas, já mostrado, se torna um survival horror, pois terá itens limitados, e inventário reduzido, dizer que e só um jogo de terror, e um erro.

          • ratStar

            Pois é! O povo tá muito afoito. Mas isso tbm não me surpreende visto que a Capcom pisa na bola há muito tempo. De qualquer forma, acho injusto descontar todo esse rancor pela empresa em um jogo que sequer foi lançado.

          • Rodrigo Zika!

            A questão da retrospectiva acho válido, por erros la atras, mas o que foi revelado, ignorar acho besteira, e muitos continuam fazendo isso.

  • cuca beludo

    Eu to com mais é medo de ser mais um fail da capcom, o último jogo bom que joguei da capcom foi dead rising 3

    • Marcos Vinicius

      O ultimo jogo bom da Capcom que eu joguei foi o Revelations 1… Dead Rising 3 rodou lagado demais no meu PC, não lembro se esse tem para ps4.

      • cuca beludo

        Dead rising 3 só tem para xbox one e pc, joguei no xbox one no xone também dá umas lagada

        • Rodrigo Zika!

          A versão remaster, tem pra Ps4

          • cuca beludo

            Não tem dead rising 3 para ps4 só o 1 e 2, oque é uma pena porque dead rising 3 é de longe o melhor da saga

  • Edu Alves

    Uma das coisas que esta me empolgando neste RE7 é a locação, o fato de grande parte do jogo se passar nessa casa na zona rural, no meio do nada.

  • Estou bem animado com RE7 devido a todas as mudanças propostas especialmente as mais ousadas como a visão em primeira pessoa. Claro que sempre há o risco, mas se ele existe alguém pensou muito e com carinho antes de implementá-lo.

    Tenho apenas dois receios: o primeiro é sobre minha capacidade de enfrentar o medo, tenho medo de não ser capaz de me divertir com este jogo devido ser um grande bundão. Meu segundo receio é a Capcom oferecer a total experiência da história apenas através de DLCs. Não gostaria de ser obrigado a gastar “600” reais para entender toda a história e contexto deste novo arco. Ficaria muito triste de comprar este jogo e não ter uma experiência completa.

    Apesar dos receios acredito que ele terá uma ótima qualidade para os jogadores que se identificarem com ele seja fã novo ou velho ou nem mesmo fã. Me parece um novo-bom recomeço.

    Acho que é isso. Boa sorte Resident Evil / Biohazard 7.

    • Rodrigo Zika!

      Como tem a versão normal, e a deluxe, creio que não terá DLC.

    • Bia

      “Tenho apenas dois receios: o primeiro é sobre minha capacidade de enfrentar o medo, tenho medo de não ser capaz de me divertir com este jogo devido ser um grande bundão.”
      HAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHAHA
      Você absolutamente me definiu e botou em pauta uma das coisas que mais martelam devagarzinho na minha mente, mas sempre martelam, quando vejo os gameplays das demos. O fato de eu ser uma bundona também D:
      Tô ansiosa pro jogo dar bastante medo, mas tô com medo que dê tanto medo que eu não consiga terminar o jogo por causa do medo D:
      É que isso já aconteceu outras vezes D:
      Mas enfim, to doidinha pra ver se consigo chegar até o final do jogo sem uma parada cardíaca <3

  • Mateus

    Faço das palavras da Bruna sobre RE4 as minhas. Cara, que jogo!
    Pra mim RE4 tem a mistura perfeita de ação e horror. E ainda influenciou jogos seguintes com sua jogabilidade.
    Primeiramente estou empolgado com RE7 simplesmente por ser um novo RE e ainda numerado. rs
    Fiquei aguardando algum anuncio do jogo na E3 de 2015, e como não rolou, fiquei com 99% de certeza que o anuncio viria na E3 deste ano.
    E o que me empolga também é ver vários elementos clássicos de volta. O que eu mais quero é voltar a ter “medo” de jogar um RE, de ficar tenso, curioso, etc…
    Enfim, que venha RE7! E que ele não nos decepcione. :p

    • Rodrigo Zika!

      Curioso que quando anunciou na E3, nem eu desconfiei que seria RE 7, eu estava vendo ao vivo, só quando apareceu o nome, que caiu a ficha, muitos dias depois meteram o pau, dizendo que imitava Outlast, P.T e tal, julgando antes de revelarem alguma coisa, agora depois de mostraram muita coisa, pra mim não imita nenhum jogo de terror, a única coisa que mudou foi a câmera, e isso não acho que seja o cumulo do absurdo, nada sera igual pra sempre, nesse mundo.

      • Mateus

        Também tava vendo ao vivo e quando apareceu RESIDENT EVIL na tela fiquei de boca aberta.
        No começo quando vi que era um jogo de terror, pensei, é RE. Mas pensei só por pensar mesmo, não fiquei alimentando a ideia de ser um RE até o fim da gameplay. Depois que começou umas bizarrices comecei a pensar que era um Silent Hill ou um substituto do PT.
        Sobre a câmera, depois de ver tanta gameplay da Demo já me acostumei. kkkk

        • Rodrigo Zika!

          Câmera e um gosto pessoal de cada um, infelizmente alguns passam mal mesmo, isso não tem como mudar, eu tenho Outlast, e não acho nada parecido com RE 7, já vi gameplay de Pernumbra e Amnésia, e ainda acho RE 7 diferente de todos, pelo fato de ser survival horror, e não somente terror, independente da câmera, e mesmo esses de terror já existentes, entre eles, não acho parecidos.

  • Roberto Queiroz Jr.

    Bruna você é Linda <3 .

  • ALBERTWESKER9889

    Minha empolgação acabou quando anunciaram que o jogo seria em 1 º pessoa. Poxa pq naum colocam câmera opcional ? ou foi proposital para o acessório VR? Essa eh minha opinião..

  • Gabriel Mesquita

    Em todos os resident evil eu toquei um piano , se nessa porra de fazenda nao tiver um piano , vou ficar putasso … please CAPCOM , give PIANO with ARCHIV

  • Gustavo Rogeri

    Boatos q a musica de fundo do vlog eh o tema da save room de re7

  • Thiago Camara

    Tem como desbanir meu IP para que eu possa comentar com meu IP original ? ” Seria melhor se fosse em 3 pessoa” era uma brincadeira e não um deboche. Isso não foi motivo para banimento. Eu não ataquei nenhuma pessoa.

    • Protagonista Do Gta

      UAHSUAHSUAHSUAHSUHASUH pq vc foi banido?

      • Thiago Camara

        Porque um dia eu vi o vídeo do Jack tomando tiro, caindo e levantando e eu disse, “seria melhor se fosse em 3 pessoa” depois desse comentário eu vim outro dia ver as novidades e notei que estava banido, esse foi meu único comentário em um intervalo de 1 semana. Eu não vejo motivo pra ser banido sendo que eu não vim atacar verbalmente nenhuma pessoa dos comentários, acho que eu sou bem de boa com isso. Vejo muita gente nos comentários que teriam comentários muito piores. Fui banido e creio que seja isso, perguntei o motivo mas ninguém me explicou.

        • LaioCebal

          Cara,sem querer ser chato e sem o intuito de puxar briga,mas esse negócio de ficar em todo post do RE7 comentando sobre voltar com a câmera com a 3° pessoa é meio chato de ver.Digo,eu acho legal ver a opinião da galera e ver que eles não estão contentes com a mudança de câmera,mas expressar isso de forma forçada e frequente fica chato tanto pro pessoal que comenta aqui (Creio eu) quanto pro pessoal do REVIL.

  • Rivershield

    Sei que a maioria da galera está gostando de RE7, mas já que o objetivo dessa matéria foi levantar o debate entre os fãs aqui vai um desabafo de alguém que está completamente PUTO com esse jogo:

    Eu estava assistindo ao vivo quando o primeiro trailer começou a ser exibido. A princípio pensei que se tratava de mais um survival horror em primeira pessoa genérico, e essa impressão permaneceu até o título “Resident Evil 7” aparecer na tela. Por um momento fiquei em silêncio, depois dei um grito “que poha é essa?!!!”
    Minha mente bugou por alguns instantes até eu me tocar do que estava acontecendo: um RE numerado em primeira pessoa. Senti vontade de socar o monitor.

    A princípio, apesar da reação impulsivamente exagerada, na verdade não liguei muito. No dia seguinte fiz minhas tarefas normalmente, mas volta e meia pensava naquele trailer e tentava entender como aquilo poderia ser Resident Evil. Fui ao Reddit, 4Chan, aqui no Revil e em alguns outros fóruns pra ver a opinião da galera. A princípio a maioria tinha impressões semelhantes às minhas.
    Conforme mais trailers foram sendo lançados mais pessoas começaram a simpatizar com a ideia de RE7, e isso foi visível nas discussões pela internet. Porém, eu permaneci com a mesma opinião: tudo isso soava como uma grande merda pra mim. Era tão merda que tive a estúpida ideia de criar uma petição online pra Capcom incluir uma visão em terceira pessoa. Não consegui nem 300 assinaturas. Acreditem ou não eu não fui o único, contando com a minha tinha umas quatro petições desse tipo pela internet, todas com poucas assinaturas.
    Ficou óbvio que pouca gente estava realmente incomodada com isso. De certa forma me senti traído pela comunidade de RE. Eu sei, isso é muito estúpido, mas não pude evitar de me sentir dessa maneira.

    Eu estava esperando que depois da merda que foi RE6 a Capcom iria lançar um último jogo pra finalizar a trama e depois fazer um Reboot geral. O que ganhei no entanto foi a poha de um Resident Outlast.

    Depois de tudo que já foi mostrado sobre RE7, pelo menos consegui me convencer de que existe um pouco da identidade da série aí. Por mais contraditório que pareça, eu nem acho que RE7 vai ser um jogo ruim no sentido de game designe e qualidade geral, eu apenas não consigo aceitar essa jogabilidade. Eu sinceramente acredito que existem argumentos consistentes pra dizer pq isso tem uma grande chance de não dar certo, mas nem me importo mais com argumento ou poha nenhuma desse tipo.

    Estou irritado, não quero esse jogo nem de graça, e espero sinceramente que fracasse pra que a Capcom tome vergonha na cara e esqueça essa ideia de primeira pessoa.

    • Thiago Câmara

      Eu lembro quando você fez a petição, se você não fala-se, não lembraria que era você, Eu também não estou muito agradado com o game mesmo depois dos vídeos de 1 minuto sobre o game, mas o preço esta muito bom. Capcom sempre faz preços bons pra gente e ainda cria sempre jogos com um ótimo gameplay e a maioria pensa no 2 jogadores. Parabéns Capcom.

      • Rodrigo Zika!

        Te desbaniram kkkkkkkkkkkkk

        • Thiago Câmara

          Desbaniram ainda não, é a 5 conta que uso pra poder expor minha opinião.

          • Rodrigo Zika!

            Eita kkkkkkkkkkkk

    • Chosen Undead.

      Calma jovem, não precisa viver com todo esse rancor kkk.
      Dê uma chance para novas ideias. A Capcom pode não acertar na mosca com esse RE (apesar de que eu acho que irá), mas esse lance da câmera em primeira pessoa pode mudar, no futuro.
      De qualquer forma eu já estou feliz só pelo fato deste jogo não parecer um filme dos Mercenários com todas aqueles explodes e ação.

      • Rodrigo Zika!

        A questão e, acham que o jogo sendo em 1 pessoa imita outros, só por causa de uma câmera, mais no mercado tem infinitos jogos em 3 pessoa, e acham normal, então fica tudo na mesma.

        • Rivershield

          Imitação não é o único motivo.
          Também tem a parte estética. Uma coisa é mudar do controle tank pro OTS, outra é tirar completamente o personagem da vista.
          Outro motivo é que, querendo ou não, o OTS é criação de RE. A câmera em primeira pessoa não. Vc pode até achar isso um motivo estúpido, mas pra mim o fato de RE deixar de usar uma criação própria e extremamente bem sucedida pra usar um modelo criado por terceiros não é uma atitude correta.

          • Rodrigo Zika!

            Não acho que seja estúpido, pois gosto e gosto e respeito, porém RE não foi criado exatamente como OTS, isso veio depois em RE 4, mas ai e que esta, será que isso seria só mudar e pronto, ou seria uma mudança jamais vista na serie, ai fica essa questão, ficar mais do mesmo repetitivo, ou mudar pra algo, independente se e igual outro ou não, vai do pensamento de cada um mesmo, porém entendo que acostumou aparecer o rosto do personagem, e suas reações.

        • Chosen Undead.

          Sim. É que também tivemos alguns jogos e demos assustadoras em 1º pessoa, vide P.T Silent Hills e Allison Road e foram demos de bastante sucesso. Dai é claro que a Capcom pegou uma carona nisso, pois eles viram que deu certo no fator horror/panico. Então junta isso com a vontade de trazer o horror novamente pra franquia e o resultado esta sendo este.
          Mas creio que alguns elementos da série (como alguns que já foram mostrados nos teasers), vão estar presentes para não nos esqueçamos de que estamos jogando um Resident Evil.

      • Rivershield

        Cara, sou metaleiro, rancor está no meu sangue naturalmente. kkkkkk
        Não adianta falar pra mim dar uma chance, eu já tenho dado chances pra Re desde RE5, e tem sido apenas decepção atrás de decepção.
        Engraçado vc usar o nickname “Chosen Undead”. Minha nova série preferida é a série Souls. Ali não tem frescura, não tem divisão na comunidade, e mais importante, toda a série tem uma identidade única e não precisa ficar se reinventando bruscamente a cada título.

        Pra mim Re deu o que tinha que dar, só vou esperar RE2 Remake e torcer pra RE7 ser um fracasso e a Capcom fazer reboot, essas são minhas únicas esperanças.

        • Chosen Undead.

          Realmente a série Souls é bem especial e única.
          Eu ainda tenho esperança em RE, mas o jeito é esperar pra ver.

        • Mauricio Niero

          Metaleiro!!!!!! Eh nóis na veia mano! Metal eh o melhor

          • Rivershield

            Metal na veia carai m/

    • Rodrigo Zika!

      Acho que nesse caso existe somente um opção, não comprar e ver outras pessoas jogando, existem jogos da franquia que não faço questão de comprar, porém quando anunciou RE 7 na E3, eu estava vendo ao vivo, foi um choque, quando apareceu RE 7, todo mundo achava que tinha ressuscitado P.T kkkkkkkkkk, porém ao decorrer do tempo, com coisas sendo reveladas, percebi que uma câmera não define o jogo, como imitação de outro, pois muitos jogos de terror no mercado, em 1 pessoa, cada um tem sua característica, e não acho imitação um do outro, e sabendo que terá coisas clássicas, e combate, além de itens escassos e puzzles. não tem porque eu achar o jogo ruim por causa da câmera, ou porque não tem personagem super herói no jogo, ou zumbi, já me livrei disso, e sei que a franquia e muito mais que isso, desde que cite eles no jogo, agora jogar ou não por causa da câmera, vai de cada um mesmo.

      • Rivershield

        Blz jovem, eu não comentei isso pra convencer ninguém, se vc gostou do que viu bom pra vc.

        • Rodrigo Zika!

          Não comentei pra te ofender, só quis dizer que ate eu não gostei quando foi anunciado na E3, nem imaginei que seria RE 7, mas depois do que foi mostrado, ate hoje, me fez ver de outra maneira, e você tem sorte de poder testar com VR, nem isso eu vou poder.

      • Awesome Saddler

        Até porque cara a proposta principal do jogo é fazer, desculpa o palavriado, cair o cu da bunda do jogador com o tanto de suspense. Eu vi os trailers e tenho pra mim que a gameplay em si é levemente pobre, mas é muito compreensível levando em conta o que a Capcom se propôs a fazer.

        • Rodrigo Zika!

          Ai vai de cada um mesmo.

    • Mauricio Niero

      Nossa, confesso que a primeira frase que eu disse foi: Ta peraí, essa phorr@ não vai ser em primeira pessoa durante o jogo todo né?
      Meu, acho que nunca fiquei tão PUT…. na minha vida com a Capcom. Eu simplesmente não acreditava que eles tinham feito isso com a minha franquia preferida. Mas, ao mesmo tempo, enquanto eu via o trailer

      • Rivershield

        Cara, tomara que vc tenha razão. Eu não pretendo comprar RE7, mas um amigo meu já fez a pré-compra. No mínimo, vou jogar pra testar o VR. Quem sabe um milagre aconteça neh… rsrs

    • Nando Fiurst

      disse gostoso! kk

    • Doug Andrade

      pois é amigo…não falaram que a Capcom pesquisou pra kct a opinião dos fans pra saber oq agradava ou desagradava?! N sei onde foi isso pq todo mundo que eu falo sobre esse jogo…não gostou de ser em primeira pessoa…tbm estou puto com isso mas o povo merece..pediram tanto por mudanças mudanças mudanças depois do RE6 (que eu curti) que eles mudaram ao extremo, tanto que como vc disse, parecia um jogo genérico em primeira pessoa…

    • Kaiq Andrade

      Você falou tudo que estava entalado na minha garganta… Cara as petições foram uma ideia boa, não as menospreze, como fã você optou por fazer o que achava certo e não a ficar de braços cruzados esperando migalhas de teaser, torcendo para identificar algo da franquia… O pessoal fala de mudanças e etc, tudo bem, beleza, sempre são bem vindas, mas mudou muito a identidade, poxa o remake do 1 e o zero foram relançados para as outras plataformas de consoles e fizeram tão grande a felicidade dos fãns, e olhe que era algo “antigo e ultrapassado” (Como já li em muitas opiniões)… Enfim, só vim te dar uma força, e dizer que estou no mesmo barco que você, torcendo para que seja um fracasso, e esperando apenas o remake do RE2 e quem sabe o do 3…

      • Bruna Mattos

        “mas mudou muito a identidade”

        Quando exatamente foi isso? Quando RE4 foi lançado? Quando RE5 foi ação pura? Quando RE6 foi um desastre? Não entendi.

        • Kaiq Andrade

          @Bruna Mattos:disqus mudou quando passou a ser primeira pessoa (Eu vejo o terror que eu tanto queria, mas não vejo como um residente evil)… e por ai vai… 4,5,6 eu gostei, não vejo nenhum desastre em nenhum deles, só não são os meu favoritos é claro… Enfim, é a minha opinião respeito quem está ansioso, mas eu não estou, sorry… PS: O zero não teve baús mas foi bom, o 4 também não teve, mas ainda sim você enxergava um residente evil, até mesmo os outbreacks que são uns spinoff vi mais residente evil que o RE7…

          • Bruna Mattos

            Mudou quando passou a ser em primeira pessoa, mas não mudou quando
            – a câmera deixou de ser fixa e passou a ser over the shoulder
            – os saves deixaram de ser limitados
            – entraram upgrades de armas
            – a munição não era mais escassa
            – armas eram compradas, e não encontradas
            – inimigos droparam intens
            – baús deixaram de existir

            Engraçado que quando aparentemente tudo que se perdeu com os anos resolve voltar, mas só a câmera mudou, RE7 “fica muito diferente”. Acho que vocês tão deixando a implicância de vcs com a câmera em primeira pessoa contaminar toda a visão que vocês poderiam ter do game. É totalmente aceitável dizer “olha, eu não curto câmera em primeira pessoa”, mas dizer que SÓ ISSO corrompe completamente a identidade do jogo como membro da série, foi mal, não cola não.

          • Thiago Câmara

            FPS e TPS são gêneros diferentes de jogo.

          • Kaiq Andrade

            Vou começar a replica com um #ForaResidentEvil7, eu havia preparado um textão fortalecendo a MINHA opinião, mas cada tem a sua né, e ninguém é obrigado a seguir ninguém, ao meu ver mudou sim a identidade… Vou me poupar dessa discursão aqui, vou esperar esse jogo sair e uma de critica imparcial e seria sair também voltar quem sabe a discussão, e com isso, não deixarei de curtir as coisas do REVIL ou deixar de gostar dele pois acompanho esse site desde 2008 e acho ele assim como o Database muito completos, eu jogo residente evil desde os 10 anos (tenho 23, mas acompanhava meus irmãos jogarem desde os 7 anos), não sou fã pós residente evil 4, nem sou cabeça dura velha guarda, só não fui com a cara desse “Massacre da Serra” elétrica que vocês chamam de RE VII…

          • Bruna Mattos

            Cada um tem a sua opinião, como você disse aí. É um direito, e a gente, que faz parte da equipe do site, também se reserva a ter cada um a sua própria. Ninguém aqui vai se privar disso, seja porque tem gente que concorda ou que discorda.

            Se você discorda da opinião do pessoal da equipe, ótimo. Realmente não entendi o texto fervoroso ou o motivo da resposta ríspida que você deu lá em cima. Dá pra discordar e ser educado com as pessoas, ainda mais aos 23 anos de idade.

        • Rivershield

          Talvez dizer que RE7 mudou muito a identidade seja exagero, mas o que importa dizer é que foi uma mudança horrível. Ou seja, o problema não foi o tamanho da mudança, mas sim a forma.

  • Thiago Câmara

    5 contas banidas já, creio que foi um banimento injusto, podem continuar banindo, mas enquanto eu não agredir ninguém verbalmente, eu estou no direito de usar o disqus. Gostaria que me tirasse o ban ou se não quiser, pelo menos expliquem o motivo desses banimentos, quando explicado eu paro de criar contas fakes ou postar. Quero entender quando foi que eu agredi alguma pessoa ou por qual outro motivo desencadeou o banimento.

  • Chosen Undead.

    Gostei muito do vídeo, apesar do áudio e a imagem estarem um pouquinho dessincronizados =P
    Resident Evil 4 é o RE que eu mais gosto e depois dele vem o 1. Acho que RE4 foi um divisor de águas na franquia e é o tipo de RE que eu acho perfeito, pois ele tem uma pegada de terror maior do que ação, mas tem também uma dose sutil de ação.

    Agora, apesar de eu estar empolgadão, no 220v, com RE7, não sei se ele é o tipo de jogo que eu conseguirei jogar… A sensação de panico e horror que este jogo esta prometendo nos proporcionar, é algo que, talvez, esteja além do que consigo jogar.
    No fim eu acho que RE deve seguir pelo horror mesmo, mas torço que não seja alto muito assustador senão vai ficar difícil de muitas pessoas encararem o desafio hahaha.
    Beijos e parabéns mais por esse vídeo.

  • Thiago gonçalves

    A trama tá me matando, qual a ligação de Mia com os Bakers? Quem é a menina de preto e a que está com os olhos riscados numa foto do primeiro trailer? Qual é a ligação com o passado da franquia? E o que está por de trás do estado atual dos Bakers? São perguntas que não saem da minha cabeça desde a divulgação desse jogo em junho desse ano, a campanha de marketing misteriosa que revela as coisas aos poucos sem afetar em nada os mistérios que envolve a trama é o que me deixa mais aflito ainda pelo jogo, uma coisa eu tenho que dizer, pra quem estava fazendo “caquinhas” com a franquia, a Capcom aprendeu a limpar a sujeira rapidinho. Ah, mais o jogo não é em terceira pessoa, se for pra ele continuar passando essa atmosfera tenebrosa que foi desenvolvida pra ele, essa mudança até que não afeta tanto a franquia em si (só gente chata que fica reclamando disso), nesse jogo e na divulgação dele a Capcom tá de parabéns, que venha janeiro e que o game supra as expectativas que ele criou.

    • Rodrigo Zika!

      Verdade, tudo isso ainda e um mistérioooooooooooooo kkkkkkkkk

  • Caio Vinicius Viana Lima

    Já passei da fase de ficar revoltado como o re7 kkkkkkkkk
    Aos poucos a capcom foi me conquistando, o problema mesmo é que eu detesto jogos em 1° pessoa, acho que os únicos a que eu joguei foram uns Halos, Alien Isolation e um do King Kong pra ps2 rsrsrs
    Mas to confiante que esse vai surpreender a todos, positivamente é claro!

    • Rodrigo Zika!

      E o que esperamos.

  • Osmildo Guimarães

    Concordo com a Bruna. Re 7 é empolgante. Mesmo sendo em primeira pessoa, vai ser incrível. E precisa mudar pra continuar vivo, embora o tema continua o mesmo: sobrevivência a ataques biológicos.

  • Felagund

    Pra mim é bem decepcionante essa mudança. Eu odeio jogos em primeira pessoa. Joguei todos o residents, gosto da maioria, mesmo os mais criticados como 5 e 6 vejo qualidades.

    Meu favorito é o “code verônica”, e gostaria que voltassem com esse estilo.

    • Kaiq Andrade

      Joguei todos também e consigo ver qualidades também no 5 e no 6, o(s) meu(s) favorito(s) é(são) o(s) 0, 1, 2, 3, Code veronica, outbreacks enfim hahaha, mas só para reforçar, tivemos uma grande felicidade dos fãs com a disponibilidade de resident evil 0 e 1 remake para as outras plataformas, porque merda a capcom não percebeu isso e refez essa ideia antes de lançar a merda… quer dizer a demo, assim como fez em residente evil 1.5, e o 0 do Nintendo 64 (Os jogos já estavam quase 100% completos)… Enfim, que a Capcom acorde… antes que seja tarde…

  • Renan de Souza

    Acho que a capcom quer trazer uma imersão tipo Alien isolation, Por exemplo, pouca munição, personagem que dão ou não para matar, constantes perseguições… Se for assim esse jogo vai ser fodastico.

    • Nando Fiurst

      vai ser uma bosta ser for assim, tem que balançear com o REclassics a quantidade de inimigo, e munição nunca foi um problema grande nos antigos, mas acho que pode ser do jeito que voce disse meso pelo que vemos, minha opinião não fica bom no RE esse estilo

  • Matt Abrantes

    Nada nesse RE me empolga
    Ate agora ainda estou bem decepcionado
    Prefiro ate fingir que isso não existe
    mas é aquela né? é Resident Evil (só no nome…) então vou comprar e jogar de qualquer jeito

  • Kaiq Andrade

    Muito coerente o vídeo, se eu já não estivesse com uma opinião iria pensar com carinho a respeito de RE7, porém vou esclarecer um detalhe, a aproximadamente 11:30 foi levantado o ponto de que foi dito que os personagens que tanto gostamos já haviam perdido o medo de enfrentar as BOW, tá certo, porém nós jogadores da serie antiga também evoluímos desde aquela época (1999), certo que é legal tomar um susto de vez em quando, mas não tinha nenhum problema em manter os personagens antigos… Eu analisei e só percebi que é mais uma estratégia Capcom e Sony para vender o PS VR… Saudades da antiga serie… Mas enfim, pra finalizar achei que não ia gostar do Resident Evil 5, gostei, achei que não iria gostar do 6 e gostei, achei que não iria gostar dos Revelations e gostei… Acho que não gostarei do 7, espero que no fim eu veja algo que goste… Espero…

%d blogueiros gostam disto: