Uma das primeiras cenas de Resident Evil 7 fez cair o queixo de muita gente e poderia ser bem mais impactante.

Spoilers a seguir!

Logo no começo do jogo, Mia, a esposa de Ethan, corta a mão do protagonista com uma serra elétrica, deixando o jogador e o personagem completamente incrédulos com o ocorrido. Em seguida, vivemos a absurda situação de literalmente recolher a mão de Ethan como um item qualquer do inventário.

De acordo com o diretor de Resident Evil 7, Koshi Nakanishi, as ideias iniciais para a cena contavam com ainda mais violência do que foi mostrado no jogo final. Nakanishi falou sobre o assunto durante uma conferência especial sobre o desenvolvimento do jogo na Game Developers Conference em San Francisco, nos EUA.

Nakanishi contou que, no conceito inicial da cena, Ethan teria o tronco totalmente cortado por Mia, forçando o personagem a se arrastar pelo cenário com suas estranhas “escapando” pelo abdome, até uma sala segura. O objetivo era criar uma sensação de choque logo ao começo do jogo e mostrar a que Resident Evil 7 veio nas sequências iniciais.

No fim das contas, os desenvolvedores acharam que literalmente cortar o protagonista ao meio poderia ser um tanto exagerado, mas decidiram colocar Ethan em situações absurdas em vários momentos do jogo.

Resident Evil 7 traz conceitos bem violentos que acabaram sendo até um pouco atenuados até a versão final do jogo ser alcançada. Em um vídeo recente, a Capcom mostrou que uma luta com Jack Baker poderia resultar em fazer o vilão ficar com a cabeça pendurada no pescoço.

 

%d blogueiros gostam disto: