A Capcom realizou uma espécie de talk-show para comemorar o lançamento dos dois últimos conteúdos de Resident Evil 7: Not a Hero e End of Zoe.

Durante o evento, membros da equipe de desenvolvimento teriam dado mais alguns detalhes sobre a trama das DLCs.

Sobre End of Zoe, foi apontado que Joe vive em um local inóspito chamado de “Devil’s Swamp”, ou o “Pântano do Diabo”. O local é habitado por um enorme crocodilo, conforme exibido em uma das imagens oficiais da DLC, e estará infestado de Mofados.

Zoe encontraria-se em uma espécie de estado “petrificado” e Joe deve coletar um “remédio” para salvá-la.

Mais uma vez, foi confirmado que Joe não usará armas de fogo e criará armas brancas “customizadas”, além de usar as próprias mãos no combate. A DLC também tem elementos furtivos que permitem que Joe ataque os Mofados pelas costas.

Em uma conversa posterior sobre o desenvolvimento de Resident Evil 7, os produtores confirmaram uma suspeita dos fãs. Ethan foi construído da forma mais “apática” possível para que sua personalidade não transparecesse somente para dar maior destaque aos Bakers, mas para que todas as reações partissem do jogador. A intenção era tornar Ethan uma mera interface entre o game e o usuário.

End of Zoe e Not a Hero chegam em 12 de dezembro. A DLC de Zoe é paga e estará disponível para todos os usuários que tiverem o passe de temporada de Resident Evil 7 ou quiserem comprá-la de forma avulsa. Not a Hero é totalmente gratuita e será obtida através de download por todos os usuários que tiverem o jogo principal.

O conteúdo também estará disponível na versão Gold Edition, com lançamento marcado para  mesma data. A edição física desta edição só será lançada no Brasil na segunda metade de janeiro, segundo a distribuidora.

Via GameWatch.

Agradecemos ao Gustavo Dória Costa por nos enviar o link da matéria.

%d blogueiros gostam disto: