RXuGPDMXL9I

E aí survivors! Neste vídeo especial, eu trago a vocês informações sobre a vacina, desenvolvida pelo Dr. Peter Jenkins, de Resident Evil: Outbreak, para combater as infecções causadas pelo T-Vírus. Deixe o seu joinha e inscreva-se no nosso canal do YouTube – fica a dica de ativar o sininho de notificações também.

A vacina “Daylight“, apresentada no cenário ‘Decisions, Decisions’ – ou ‘Determination’, na versão japonesa, Biohazard: Outbreak – foi desenvolvida por Peter Jenkins, com a ajuda de Greg Mueller, um ex-pesquisador da Umbrella com acesso ao T-Vírus, obtido através de William Birkin.Estando ciente do crescente risco de um surto viral em Raccoon City, Mueller planejou usá-lo como uma alavanca contra a corporação, depois de roubar um Tyrant experimental. Jenkins logo percebeu a intenção de Mueller, então fez um esforço para entrar em contato com George Hamilton, um reconhecido cirurgião do hospital de Raccoon City – que era um dos oito personagens jogáveis, em Resident Evil: Outbreak e Resident Evil: Outbreak File #2. George viu sua vida mudar radicalmente, quando se tornou um dos que presenciou a epidemia do T-Vírus em Raccoon, em 1998. Durante este evento, ele conseguiu trabalhar em conjunto com um grupo de sobreviventes para escapar da cidade, principalmente com Cindy Lennox.

Por causa da epidemia, Peter Jenkins tentou entrar em contato com o George, por causa da pesquisa viral do cirurgião. Ele deixou uma nota em um dos abrigos temporários da Delegacia de Polícia de Raccoon, dizendo para que George que o encontrasse na Universidade da cidade. Peter queria contar toda a verdade por trás do incidente para George e mostrar a ele amostras do Daylight, a cura para o T-Vírus. Só que Peter acabou morrendo antes mesmo do encontro, deixando apenas mais uma nota para George, pedindo que ele fugisse da cidade com amostras da tal cura.

Peter criou uma receita simples para a vacina:
P-Base (um composto químico que requer armazenamento e mistura, cuidadosos);
V-Poison (de vespas mutantes);
E finalmente, T-Blood (de uma criatura infectada pelo T-Vírus).

Quando colocada em uma incubadora especial, a vacina é gerada automaticamente. Em RE Outbreak, George e mais alguns sobreviventes se espalham para localizar os três componentes necessários para gerar o anti-vírus e, por fim, encontram um sintetizador de drogas, localizado no laboratório.Quando finalmente a vacina já estava sintetizada, a energia da máquina é cortada. Momentos depois, os sobreviventes são confrontados por Greg. O cientista se apresenta, e faz ameaças. Greg é baleado na cabeça por Nicholai Ginovaef, que estaria realizando uma série de ‘’cobranças’’ em torno da universidade. Isso permitiu que os sobreviventes escapassem com a amostra Daylight. Quando está totalmente preparada, a vacina Daylight ou LUZ DO DIA, em português, é apresentada como um líquido branco brilhante.

Antes mesmo da cidade ser atingida por mísseis, George consegue levar consigo uma amostra do antídoto. Ele deixa claro que não se sente um salvador da pátria, mas que fez apenas o seu dever, ao se lembrar de Peter, morto na Universidade.É isso aí survivors. Espero muito que vocês tenham curtido esse pequeno resumo sobre a vacina. Para mais informações sobre os envolvidos com o reagente Daylight, além de diversos outros vírus, vacinas e muitos conteúdos da franquia, acessem a REVIL Wiki!

%d blogueiros gostam disto: