A mansão Spencer, localizada nas Montanhas Arklay, em Raccoon City, é mais uma das diversas propriedades da Família Spencer ao redor do mundo. Foi construída pelo arquiteto George Trevor, a pedido de Ozwell E. Spencer, e se tornou um dos principais cenários da série.

História

Em 1962, Ozwell E. Spencer contratou o famoso arquiteto de Nova York, George Trevor, para dar inicio à construção de sua mais nova propriedade. A futura mansão seria usada para esconder o laboratório secreto da Umbrella onde seriam realizadas pesquisas ilegais, incluindo o estudo do vírus Progenitor recém descoberto e pesquisas para a criação de futuras armas biológicas. A finalização da mansão, que ocupava um grande terreno nas Montanhas Arklay, terminou em novembro do mesmo ano, assim como, também, a construção do laboratório subterrâneo na propriedade. Em 5 de julho de 1962, Trevor apresentou a primeira planta para Spencer. O arquiteto se sentia desafiado, porém estava muito orgulhoso do ousado projeto que recebeu.

Afim de manter os segredos da mansão devidamente guardados a sete chaves do mundo, Ozwell convida George Trevor e sua família fazer uma visita à mansão. O fundador da Umbrella aproveitou essa oportunidade para adquirir suas primeiras cobaias para os estudos com o Progenitor Vírus, injetando as variáveis do vírus tipo A e B em Jessica Trevor (esposa de George) e Lisa Trevor (filha do casal). Enquanto as duas eram mantidas em observação para análise dos efeitos do vírus, Geroge foi mantido prisioneiro até morrer dentro da propriedade. A morte do arquiteto havia sido planejada por Spencer há muito tempo. Trevor sabia de todos os segredos e armadilhas da propriedade e o fundador da Umbrella não poderia permitir que essa informação vazasse.

Com a construção da Mansão Spencer e do Centro de Treinamento da Umbrella, Arklay passou a abrigar um complexo onde as pesquisas com os vírus Progenitor e T seriam conduzidas. As pesquisas com o T-vírus passam a ser comandadas por Albert Wesker e William Birkin no laboratório abaixo da Mansão depois que os dois são transferidos do Centro de Treinamento. A dupla continuou a trabalhar lá até que Albert passou a atuar na divisão de informações da Umbrella, como capitão dos S.T.A.R.S, e William ganhou seu próprio laboratório no subsolo de Raccoon City para desenvolver as pesquisas com o G-vírus.

Incidente nas Montanhas Arklay

Após um vazamento do T-Virus no laboratório na mansão, toda a área do complexo foi afetada. Habitantes e animais presentes nas Montanhas Arklay, incluindo os pesquisadores do laboratório, também foram afetados, causando as mortes bizarras que os jornais de Raccoon City passaram a relatar.

  • Em Resident Evil 0 – Após todo o sofrimento de Rebecca Chambers e Billy Coen para sobreviver no Centro de Treinamento da Umbrella, Rebecca parte para a mansão no intuito de encontrar e reagrupar a Equipe Bravo.
  • Em Resident Evil 1/ Remake – Assim que Rebecca chega à mansão Spencer, começa a investigar o local. Quando ela encontra Richard Aiken, os dois começam a vasculhar a mansão atrás dos membros restantes e uma rota de fuga. Como não foi obtida nenhuma informação sobre a Equipe Bravo nesse meio tempo, a Equipe Alfa foi enviada para investigar o paradeiro dos outros membros e, também, continuar as investigações dos assassinatos. A chegada da equipe Alfa resultou no ataque de Cerberus, fazendo com que o grupo se refugiasse na mansão. Chris Redfield, Barry Burton e Jill Valentine começam, então, a vasculhar a propriedade afim de achar uma saída, e acabam descobrindo seus segredos e toda a verdade sobre a Umbrella e suas pesquisas, além da verdadeira origem de seu capitão, Albert Wesker. Após ativarem o sistema de autodestruição e confrontarem uma das principais B.O.W.’s da Umbrella, o Tyrant T-002, os integrantes sobreviventes dos S.T.A.R.S. escapam da mansão. Somente Chris Redfield, Jill Valentine, Barry Burton, Rebecca Chambers e Brad Vickers sobreviveram tal incidente, assim como, também, Albert Wesker.
  • Resident Evil The Umbrella Chronicles – O game apresenta três cenários situados dentro da Mansão Spencer. No cenário “Mansion Incident” acompanhamos Jill e Chris nas investigações da Mansão e do laboratório. No cenário “Rebirth”, vemos o “renascimento” de Albert Wesker, que, após ser morto pelo Tyrant T-002, retorna à vida com um vírus protótipo da Umbrella e foge da mansão. Em “Nightmare” mostra Rebecca e Richard vagando pela Mansão Spencer após fugirem do Centro de Treinamento. Os dois acabam perseguidos pela Yawn até serem encontrados por Chris e Jill.

 Aparência

A Mansão Spencer possui um design de interior medieval e um pouco obscuro, e seus principais pontos são o salão/hall principal com uma grande escadaria central e a sala de jantar, com uma enorme mesa de vários lugares e uma lareira. Próxima à sala de jantar, há um bar com um piano (que escondiam uma armadilha) e a cozinha. Contemplando o gosto de Spencer por arte, a mansão é repleta de galerias de pinturas, armaduras medievais e esculturas; em uma delas, há um quadro de Lisa Trevor, filha do arquiteto da Mansão. A propriedade também possuía uma sala de caça, com a exposição de animais empalhados e uma imensa biblioteca.

Na área externa, encontramos um pequeno cemitério e uma cripta anexa, acessada por uma passagem secreta. Do outro lado da área externa, há um grande jardim, com gazebo central e um elevador que dá acesso à casa do caseiro. A pequena cabana dá acesso à um laboratório de estudos com tubarões (Neptune), o Aqua Ring, e acabou abrigando a Plant 42. Uma cachoeira do jardim também dá acesso à uma caverna secreta. Escondidos na propriedade também estão a cripta de Lisa e o túmulo de Jessica Trevor, acessado através do portão central atrás das escadas do hall. Este caminho também dá acesso ao laboratório subterrâneo, através de um enorme chafariz.

Curiosidades

  • As escritas contidas em todas as lápides do cemitério da mansão está em grego.
  • Base na Antártica: Um pouco antes da finalização da Mansão Spencer em Raccoon City, Edward Ashford também contratou George Trevor para o que mesmo construísse uma mansão para si, na base da Umbrella na Antártica, onde Edward começaria suas pesquisas do Projeto Veronica. O projeto de desenvolvimento da mansão é idêntico ao da Mansão Spencer, porém com proporções menores; as salas e hall principal seriam menores que a “mansão original”, e alguns lugares seriam diferentes, como a localização de puzzles contidos na mansão. Tudo isso afim de, também, guardar, a todo o custo, as pesquisas ilegais que ali seriam conduzidos.
  • Navio Spencer Rain: o navio que dá origem ao todo o cenário de Resident Evil Dead Aim também se assemelha a mansão original de Spencer, principalmente seu hall principal e salas/quartos ao longo do navio.
  • Navio Queen Zenobia: Um dos halls de recepção do Navio Queen Zenobia, cenário de Resident Evil Revelations, teve seu design inspirado no hall principal da Mansão Spencer, assim como, também, alguns quartos do cruzeiro.
  • Centro de treinamento da Umbrella: esse cenário, presente em Resident Evil 0, também teve seu design inspirado na mansão, principalmente o hall principal do complexo.
  • No filme Resident Evil O Hospede Maldito, a mansão foi retratada como cenário no inicio do filme, onde Alice acorda, e no final do filme, quando ela volta do laboratório.
  • No game Marvel vs. Capcom 3, a mansão aparece como cenário do final do personagem Hulk, que aparece esmagando zumbis e o Nemesis e, ao lado de Chris Redfield, limpa o caminho para encontrar Albert Wesker.
%d blogueiros gostam disto: