Depois da publicação de diversos previews para Resident Evil 6, foi lançada à Internet mais uma matéria, desta vez contendo as primeiras impressões do site Kotaku, e contando com algumas novidades em relação às três campanhas do sexto título da série e de seu novo sistema de skill points.

De relance, a primeira informação que pode ser obtida através da prévia é a falta de momentos aterrorizantes. De acordo com o site, nenhuma das três campanhas foi capaz de assustar o jogador, nem mesmo o cenário de Leon, que, teoricamente, se volta às origens da franquia. A tensão, no entanto, é um elemento nítido e omnipresente em Resident Evil 6; a escassez de munição e a enorme quantidade de zumbis, segundo a matéria, é perfeita para proporcionar grande tensão a quem está jogando. A chave para a sobrevivência é uma boa administração das balas do personagem, assim como o uso adequado do sistema de golpes corpo-a-corpo oferecido pelo jogo, que conta com uma barra de estamina para limitar os ataques físicos. A campanha de Chris é vista como a que mais requer golpes físicos bem aplicados, pois, apesar do arsenal pesado disponível ao jogador, a munição acaba muito mais rapidamente do que se imagina.

Ainda comentando sobre Chris, o autor da prévia afirma que, como esperado, não há um puzzle sequer na campanha do agente, que é comparada, em vários sentidos, a games atuais de ação, como Gears of War e Call of Duty. Já a de Jake, por outro lado, lembra muito algumas partes de Resident Evil 3, devido à incessante perseguição do monstro Ustanak, que faz referência ao famoso Nemesis do terceiro título da série. A sequência do filho de Wesker é vista como “maravilhosamente insana”, contando com cenas fora do comum, que são descritas até mesmo como “cartunescas”.

Quanto à campanha de Leon, o site demonstra preocupação. Embora, na teoria, seja a campanha ideal aos fãs de longa data da série, esta é a que mais sofre de problemas relacionados à ambientação e ao design dos cenários. O jogador afirma ter encontrado muitos problemas para atravessar alguns ambientes, já que alguns elementos de cenário, como cadeiras e mesas, por exemplo, estarão bloqueando com frequência a passagem do personagem, fazendo-o dar uma volta inteira somente para chegar ao destino. Além disso, o sistema de golpes corpo-a-corpo não é muito bem aplicado aqui, pois a animação dos zumbis sendo atingidos não condiz com a animação dos golpes realizados pelo personagem. Nas palavras do autor, a diferença entre o que o jogador quer fazer e o que a campanha de Leon permite que ele faça é gritante. No entanto, muitos elementos clássicos da franquia estão definitivamente de volta, como os puzzles, por exemplo, e isso é algo a ser levado em consideração.

Uma das maiores mudanças em comparação aos jogos anteriores é o novo sistema de skill points. Desta vez, nada do sistema de compra e venda de itens, mas sim um novo recurso que permite ao jogador implementar as habilidades de seus personagens e fazer upgrades nas armas que encontra durante as fases. Confira abaixo a lista de upgrades disponibilizada pela matéria:

  • Firearm: aumenta o poder de fogo de suas armas.
  • Melee: aumenta a força de seus golpes corpo-a-corpo.
  • Lock-on: proporciona estabilidade na mira.
  • Rock Steady: duminui o recuo da arma após os disparos.
  • Critical hit: aumenta as chances de dar um golpe crítico.
  • J’avo Killer: aumenta a intensidade nos golpes contra os J’avo.
  • ???: Kill 30 zombies.
  • Eagle eye: adiciona um nível extra de ampliação à mira de sniper.
  • Quick reload: recarrega as armas mais rapidamente.
  • Last shot: aumenta a força do último tiro restante da arma.
  • Shooting wild: remove a mira do jogador, mas aumenta o seu poder de fogo.
  • Combat Gauge Bosst: aumenta o medidor de estamina por três blocos.
  • Breakout: permite que você se liberte facilmente das mãos de um inimigo.
  • Recovery: aumenta a velocidade do tempo de recuperação quando em estado de dying.
  • Teamp-Up: aumenta a força dos ataques de seu parceiro quando um está atacando perto do outro.
  • Field medic: permite ao seu parceiro amentar alguns dos seus blocos de vida quando você é salvo.
  • Lone wolf: mantém o seu parceiro te ajudando quando você estiver  em perigo.
  • AR Ammo Pickup Increase: Permite que você pegar uma maior quantidade de munição 5,56 NATO.
  • Shotgun Shell Pickup Increase: permite que você pegue a quantidade maior de 10 e 12 balas de shotgun.
  • Magnum Ammo Pickup Increase: permite que você pegue a quantidade maior de 50 balas de Action-Express e 500 balas da magnum S&W.
  • Rifle Ammo Pickup Increase: permite que você pegue uma quantidade maior de munição 7.62 NATO e 12.7mm.
  • Grenade Pickup Increase: permite que você pegue uma quantidade maior de explosivo 40mm e balas de nitrogênio.
  • Arrow Pickup Increase: permite que você pegue uma quantidade maior de bombas de tubo e flechas explosivas.
  • ???: Mate 800 inimigos com granadas
  • ???: Mate 1500 inimigos com handguns
  • ???: Mate 1000 inimigos com shotguns
  • ???: Mate 800 inimigos com magnuns
  • ???: Mate 1000 inimigos com snipers
  • ???: Mate 1500 inimigos com pistolas automáticas
  • ???: Mate 800 inimigos com lançador de granada
  • ???: Mate 800 inimigos com crossbows
  • ???: Desbloqueado depois de todas as campanhas serem finalizadas.

O site finaliza a matéria afirmando que Resident Evil 6 é como a junção de três jogos diferentes, cada um com seu estilo de gameplay, e todos demonstram grande potencial, com apenas um que ainda precisa de pouco aprimoramento para atingir o grau máximo, mas que está se provando cada vez melhor.

Resident Evil 6 chega às lojas do mundo todo no dia 2 de outubro deste ano.

Agradecemos ao Hamid Reza pela notícia.

%d blogueiros gostam disto: