A abertura original do fantástico jogo de samurais Onimusha 3: Demon Siege ganhou uma versão com dublagem em português. A iniciativa é do canal YouDubbing, parceiro do REVIL, e mostra o quão fantástico seria ter Samanosuke com uma voz local, assim como um narrador para a própria história do jogo – que nesta versão é feita pelo talentoso Luiz Feier Motta. Onimusha é só mais uma entre as diversas franquias da Capcom que não possuem vozes em português.

Confira o resultado:

ELENCO DE DUBLAGEM:

Luiz Feier MottaNarrador

Luiz é ator, dublador e locutor. É um veterano conhecido por emprestar sua voz à Sylvester Stallone na maioria de seus filmes – é a voz do nosso Rambo, entre outros mais. Nos jogos eletrônicos, já deu vida em português a Aquaman em Injustice e Injustice 2, além de ser o Knack, da Sony. Também trabalhou em desenhos, é o narrador em As Meninas Superpoderosas, assim como sua voz é perceptível em trailers e comerciais da Disney, Warner Bros e Sony Pictures.

 

 

 

SamanosukePhilippe Maia

Está no time dos grandes dubladores do mercado brasileiro. Com mais de 20 anos de carreira, é conhecido por emprestar a voz para: Sam Winchester (Supernatural), o Narrador (Chris Rock) em Todo Mundo Odeia o Chris, detetive Javier Esposito em Castle, Laterna Verde (Hal Jordan) em várias animações da DC, Garça em Kung Fu Panda, Remy em Ratatouille, além de ser uma das principais vozes do ator Ryan Reynalds.

GalegatoRicardo Schnetzer

É um dublador com mais de 30 anos de carreira. Entre seus personagens mais conhecidos estão: Exterminador dos filmes e desenhos da DC, Al Pacino e também já foi a voz a atores de peso de hollywood, como Nicolas Cage e Tom Cruise.

 

 

 

Nobunaga – Ricardo Rossatto

Já deu voz a Surtur do filme Thor Ragnarok, Winston da trilogia John Wick, entre outros.

 

 

Assim como nas outras cenas dubladas, a direção, mixagem e tradução é de Gabriel Farias, líder do canal YouDubbing. O REVIL se uniu a dubladores profissionais por acreditar no potencial do mercado e nos fãs, que merecem ter jogos da Capcom localizados com vozes em português. Oficialmente, não há um único título dublado diretamente por vontade da companhia – a franquia Dead Rising não conta, já que esse trabalho é “bancado” pela Microsoft inicialmente (PC e consoles da Sony só “herdam” esse conteúdo após um período de exclusividade).

E por que a Capcom não investe no Brasil desta forma? Cabe aos fãs refletir e cobrar a companhia, principalmente em redes sociais, para que esse sonho saia do papel. Há tempo para fazer a nossa voz ser ouvida na própria franquia Resident Evil, por exemplo. Resident Evil Village, previsto para 2021, não está listado com dublagem em português – a Steam foi a primeira plataforma a apresentar o produto. A sugestão é que a comunidade cobre essa valorização de alguma forma com o uso da hashtag #CapcomDublaRE8 que o REVIL já utiliza em seu perfil no Twitter.

Citem os perfis: @re_games, @capcomusa_ (que tem em seu guarda-chuva a @CapcomUnityBR), @dev1_official (com desenvolvedores da Capcom) e até mesmo @wbgamesbr, parceira de distribuição dos títulos da Capcom no Brasil, para que a dublagem em português também chegue a um título da companhia oficialmente de forma direta.

Em tempo: o primeiro Onimusha, Onimusha: Warlords, foi relançado em janeiro do ano passado com melhorias gráficas e de jogabilidade, mas sem o mínimo – que são as legendas em português. Por isso, se a comunidade não se unir, ao invés de avanços, podemos ter é retrocessos para o Brasil.

Juntos somos mais fortes e que… FODA Samanosuke falando em português, eim?

%d blogueiros gostam disto: