A Constantin Film, responsável pelas adaptações de Resident Evil para os cinemas, anunciou recentemente dois projetos em conjunto com a Netflix, que é líder mundial em streaming de vídeos. A união dá esperanças para uma possível parceria entre os produtores de conteúdo para a série de TV da franquia.

A primeira boa notícia é que os projetos que envolvem a Netflix estão sendo negociados ativamente por um dos principais executivos da Constantin, Oliver Berben, envolvido em Resident Evil. O primeiro projeto em conjunto é para uma série baseada no livro O Perfume, de Patrick Süskind. A obra já tinha ganhado as telas em 2007, no Brasil, com Perfume – A História de um Assassino, que conta a trajetória de Jean-Baptiste Grenouille, um assassino com um olfato super apurado que preserva o aroma de suas vítimas, transformando o odor em perfume. Confira o trailer:

Mas ao contrário do filme, que é ambientado na França do século 18, a Constantin deve trazer o enredo para a contemporaneidade. A série é uma co-produção com a Netflix e pode não ser a última em andamento entre as empresas. De acordo com o The Hollywood ReporterOliver Berben está em negociação com a Netflix para mais iniciativas no mesmo modelo de co-produção, como em O Perfume. “Esperamos aumentar significativamente em número e volume as séries de TV”, disse o executivo em entrevista.

E vocês aí do outro lado da tela já sabem o que isso significa, não é mesmo? A série de TV de Resident Evil pode finalmente ganhar um final feliz com a Netflix como muitos fãs desejam? A resposta é: só o futuro dirá. Mas apesar de nada concreto, tem muita gente por aí já dando como certa a parceria entre as duas empresas para Resident Evil, até mesmo anunciando – com cartaz e tudo – a novidade.Mas esse cartaz aí em cima é falso e produzido por algum troll gênio das internets. Primeiro, por que não há nada sobre uma provável série de TV – é uma possibilidade, e só. Segundo, por que a imagem representativa é de um cartaz de outro filme, Mansão Mal-Assombrada. E terceiro, por que a própria Netflix se manifestou especificamente sobre o episódio no Twitter, lá em 2017.

Há um ano atrás, e sobre uma imagem falsa, era bem óbvio que a Netflix negasse qualquer projeto. Mas algo pode ter mudado, e a relação com a Constantin Film se estreitado – inclusive com a Capcom neste sentido – e é daí que os fãs podem tirar suas esperanças, abrindo margem para várias especulações. Ainda segundo o The Hollywood ReporterOliver Berben está focado nas novas adaptações em série da franquia Resident Evil.

Como muitos de vocês já sabem, isso faz referência direta ao reboot dos filmes nos cinemas anunciado a menos de um ano durante o festival de Cannes. Só que a parceria com a Netflix pode ter aberto um caminho ainda maior, dando finalmente uma luz para a série de TV.

Em outubro de 2017 nós conhecemos Arklay, um projeto que instigou toda a comunidade por meio do curta Dave. O REVIL, inclusive, conversou com Shawn Lebert, produtor da iniciativa – confira a entrevista clicando neste link. A Capcom negou relações com o projeto, mas Dave continua martelando na cabeça dos fãs.

Além de O Perfume, a Netflix e a Constantin Film também trabalham em um filme baseado no quadrinho Polar, de Victor Santos, que conta a história de um assassino internacional. De acordo com o site Coming SoonRobert Kulzer e Jeremy Bolt, que já estiveram envolvidos com Resident Evil nos cinemas, estão entre os responsáveis pela adaptação.

E você? Ainda acha que há uma esperança de uma série de TV de Resident Evil com a Netflix? Deixe o seu comentário!

%d blogueiros gostam disto: