Conforme esperado, a Capcom divulgou os resultados consolidados financeiros referentes ao ano fiscal finalizado no último dia 31 de março, revelando números referentes aos seus principais lançamentos no período, incluindo Resident Evil 7.

Resident Evil 7 alcançou a marca de 3,5 milhões de cópias vendidas globalmente, incluindo todas as plataformas – PC, PS4 e Xbox One – ficando meio milhão abaixo da meta inicial, projetada de 4 milhões. Apesar disso, a Capcom vê um desempenho sólido de seu survival horror. Mas por quê?

Apesar de estar abaixo da meta, o jogo ocupa a 12ª colocação em sua lista de million sellers, em apenas 3 meses de vida, ultrapassando Street Fighter IV e ficando empatado com Resident Evil 3 Nemesis.

Os relançamentos de jogos antigos da série também tiveram bom desempenho, com Resident Evil 6 atingindo 1 milhão de unidades vendidas entre as plataformas PS4 e Xbox One, desde o lançamento, em março de 2016. Alguns fatos abaixo:

  • Resident Evil 5 é o título mais vendido da Capcom, desde seu lançamento, em março de 2009, com 7,2 milhões de unidades vendidas.
  • Resident Evil 6 é o seguindo título mais vendido da Capcom, desde seu lançamento para PS3, PC e X360, em outubro de 2012, com 6,8 milhões de unidades vendidas.
  • Resident Evil Revelations 2 atingiu a marca de 2,1 milhões de unidades vendidas em todas as plataformas, ocupando a 25ª posição de million sellers.
  • Resident Evil HD Remaster atingiu a marca de 1,9 milhões de unidades vendidas em todas as plataformas, ocupando a 34ª posição de million sellers.
  • Resident Evil 0 HD Remaster atingiu a marca de 1,4 milhões de unidades vendidas em todas as plataformas, ocupando a 51ª posição de million sellers.

A Capcom atribui esse crescimento graças à fiel base de fãs que a série possui. No geral, a Capcom parece estar com boa saúde financeira, conseguindo aumentar o lucro líquido em 13,2% e o lucro operacional em 13,5%., porém Dead Rising 4 e Monster Hunter Stories foram muito mal em vendas, ficando longe de suas metas.

Nos Estados Unidos, Resident Evil 7 foi o 14º título mais vendido do mês, e o 4º título mais vendido de 2017, de acordo com a NPD, cuja pesquisa divulgada compreende os meses de janeiro a março, o que não deixa de ser positivo. No Japão, o jogo vendeu mais de 80% do estoque projetado, e atingiu a marca de 300 mil unidades vendidas, de acordo com a Media Create e Famitsu.

Particularmente falando, Resident Evil 7 parece ter o mesmo destino do Resident Evil original, que vai crescendo aos poucos, mas sempre crescendo. Será que o fato não ter atingido a meta de 4 milhões é sinal de fracasso ou que a Capcom vai voltar para o estilo anterior?

Não acredito nisso. A Capcom assumiu riscos e fez o primeiro grande jogo AAA que utiliza o potencial do Playstation VR. Às vezes, sucesso é uma questão de assumir riscos e esperar por resultados em longo prazo. É necessário levar em conta que muitos lançamentos de peso ocuparam o período pós-lançamento, com Horizon Zero Dawn, Tom Clancy’s Ghost Recon, For Honor, Zelda, entre outros.

Fiquem ligados no REVIL para todas as novidades sobre Resident Evil 7!

Fonte: Capcom IR

%d blogueiros gostam disto: