A coletânea Resident Evil Origins Collection, que será lançada no Nintendo Switch em 21 de maio, não tem previsão de chegar ao Brasil. O REVIL consultou um representante da Warner Games Brasil, parceira de distribuição da Capcom no país, sobre o assunto. Nós questionamos a empresa após notarmos que Mortal Kombat 11, também sob responsabilidade da Warner, será lançado em território nacional para Switch – medida um tanto incomum, já que a própria Nintendo não está em nosso território oficialmente.

Então é isso, apesar da exceção ao MK11, o pacote (meio) físico que inclui Resident Evil HD Remaster e RE Zero HD Remaster não devem ganhar espaço por aqui. Além disso, os dois jogos, que já podem ser adquiridos digitalmente em alguns países, também não estão disponíveis na eShop do Brasil – que funciona somente por meio de um site oficial da Nintendo. Não há sequer produtos da Capcom listados.

Quem quiser adquirir a coletânea em caixinha de Resident Evil Origins Collection, terá que recorrer a importadores. E olha que o preço é salgado, uma vez que o produto nos Estados Unidos é listado em pré-venda a 59,99 dólares (algo em torno de R$ 227 – sem imposto e frete).  Já quem tiver interesse em pegar os jogos digitalmente, vai ter de mudar a região da eShop na conta do usuário no Nintendo Switch – prática que já é recorrente entre quem tem a plataforma. Confira os valores de Resident Evil HD RemasterRE Zero HD Remaster e de Resident Evil 4, que também chega ao Switch em maio, na eShop americana:Resident Evil HD Remaster (exige 14.4 GB) – 29,99 dólares (cerca de R$ 115)Resident Evil Zero HD Remaster (exige 13.5 GB) – 29,99 dólares (cerca de R$ 115)
Resident Evil 4 (exige 12 GB) – 29,99 dólares (cerca de R$ 115)

Quem optar por comprar os três jogos terá que arcar com um cartão de memória adicional, uma vez que o Nintendo Switch tem espaço interno de 32 GB, e todos somados exigem 39.9 GB. Outra desvantagem aos usuários brasileiros é a ausência de legendas em português – o usuário Alex Aniel, famoso entre a comunidade, notou que a Capcom incluiu até mesmo a opção chinesa no relançamento dos títulos no Switch.

E fica o aviso para quem comprar a coletânea Resident Evil Origins Collection: apenas Resident Evil Zero HD Remaster vai estar em cartucho – RE HD Remaster virá na caixinha por meio de um código para ser baixado na eShop. Atitude similar foi tomada por outra produtora no relançamento de Bayonetta 2 no Nintendo Switch – o código do primeiro jogo da franquia também foi oferecido dentro da caixinha.

Não há menção sobre o uso dos controles sensíveis a movimentos do Nintendo Switch em nenhuma das três listagens da eShop, nem menos de forma oficial pela Capcom como notam os fãs.

%d blogueiros gostam disto: