Que Resident Evil é uma franquia de sucesso ninguém duvida, é só ver os recentes resultados alcançados pela própria Capcom com a releitura de RE2. Com a nova RE Engine, os produtores souberam aproveitar muito bem a popularidade do segundo título clássico para entregar o que prometiam: uma nova experiência que pudesse explorar a nostalgia – com alguns elementos que tornaram a versão de 1998 uma das referências do estilo de sobrevivência ao terror – mas que fosse apreciada por todos em pleno 2019 com a evolução natural da tecnologia e de formas de jogabilidade.

Só que antes mesmo de ser lançado, o novo Resident Evil 2 despertou um interesse até mesmo doentio de parte da comunidade em busca de informações. Tudo isso levou a teorias malucas que o próprio REVIL divulgou (entrando na onda da comunidade) e a informações que nem sempre se tornaram verdadeiras – rumores são assim.Em duas ocasiões, citamos por aqui supostos dados de um perfil em específico no TwitterEvilVR. Na primeira ocasião, sobre como seria o início de RE2. O responsável por essa conta deu alguns chutes e citou não só o perfil do REVIL, como outros fã sites mais conhecidos para fisgar nossa atenção. Na época, chegamos a publicar os rumores aqui mesmo, mas como as informações acabaram sendo falsas, o tal EvilVR deletou o tweet onde citava o suposto vazamento. Daí, ligamos o sinal de alerta de que havia algo errado, que não batia…

Pouco tempo depois, na ânsia da comunidade em ter acesso a novas imagens ou informações de Resident Evil 2, o REVIL chegou a publicar mais alguns “chutes” desse perfil, desta vez sobre a demonstração jogável (que virou a 1-Shot) e um novo trailer com spoilers do jogo – algo que a própria Capcom já planejava e os fãs imaginavam, ou seja, nada que não pudesse ser pensado por qualquer outra pessoa. Na ocasião, nós já fizemos questão de posicionar o seguinte:

Rumores nem sempre se tornam reais e até mesmo nós aqui do REVIL pesamos bastante esse tipo de informação antes de fazer qualquer tipo de divulgação, mas dado às circunstâncias e ao número grande de indicações, não foi bem algo que pudemos ignorar. É necessário reforçar que: tem muita gente usando e deturpando essas informações desse perfil do Twitter para crescer em causa própria. Então cuidado ao acreditar em algo que pode ser o que não é.

E fim. Não citamos mais esse perfil pelo motivo óbvio: não valia a pena atiçar a comunidade com quem não passa credibilidade alguma. Mas eis que, recentemente, a comunidade VOLTOU a nos bombardear com “notícias” sobre o desenvolvimento de Resident Evil 8 – inclusive com detalhes de história, possível jogabilidade – e até mesmo uma pré-confirmação de um Resident Evil 3 Remake na E3 deste ano. Ligamos os pontos, investigamos e não é que isso tudo saiu do mesmo perfil EvilVR? Que não faz nada mais do que compartilhar aquilo que qualquer fã pode fazer com a liberdade da internet? Isso mesmo, ESPECULAR!

Pois é… o fato é que muitos sites usaram informações desse usuário, que o REVIL já trata como completamente falso, para atrair a atenção para suas próprias iniciativas. E pior, divulgando um detalhe o outro a conta gotas, “forçando” o visitante a voltar e fazer novas visitas para entender a história completa – um dia, falando de RE8 e outro de RE3 Remake, sempre com esses supostos dados dessa mesma fonte. O nosso conselho nesse momento é: não caiam em fake news, ou nessa necessidade extrema de alguns sites em usar o efeito de Resident Evil 2 para fisgar a sua atenção momentânea. Definitivamente não é legal!Dito isso, e que para que sejamos justos ao verdadeiro desejo dos fãs, o REVIL fez uma enquete por meio do nosso grupo do Facebook sobre o futuro da franquia. As discussões giraram em torno de um provável Resident Evil 8 e uma releitura de Resident Evil 3 Remake, aliás, que está sendo bastante visado pela Capcom de acordo com Dusk Golem, um insider famoso (esse sim) que costuma acertar nas previsões quando o assunto é franquia.Já existe algo oficial de Resident Evil 8? Que esteja divulgado a resposta é um sonoro NÃO! Mas é meio óbvio pensar que a Capcom trabalha (ao menos em fase de planejamento) para que a franquia ganhe um novo jogo numerado e até mesmo em títulos paralelos – é o caso dos Revelations. Especificamente sobre esses assuntos, os fãs dizem querer muita coisa, em especial a volta de personagens clássicos, ou até mesmo novos – desde que os antigos também sejam envolvidos de alguma forma. Também há quem opine sobre o estilo de câmera – a rejeição com a primeira pessoa é bem evidente.

Vamos à opinião de alguns fãs:

“Sem dúvida a volta de personagens clássicos. Pode apresentar [novos também] mas tem que ter os clássicos margeando e não fazendo ponta como o Chris no RE7.” – Davison Mantau

“Morte de algum personagem clássico pra dar um gás emocional, tipo o Chris, que podia ter morrido no RE6 (daqui a pouco os cara vão estar batendo nos zumbis de bengala).” – Matheus Souza

“Fim da câmera em primeira pessoa, volta de Jill e Leon e zumbis.” – Willis Lima

“Quero a pegada do 7 contando mais da conexões e Umbrella, de preferência com a Jill e uma participação do Leon como o Chris fez em RE7, jogo focado 100% no terror.” – Felipe Ferreira

“Novos personagens. Por mais que amo os clássicos alguma hora a franquia terá que avançar. Ficar atrelado a personagens que já foram muito aproveitados pode não ajudar no progresso da história.” – Bruno Cesar

“Câmera em terceira pessoa estilo RE 2 Remake. Volta dos personagens clássicos. Uma história mais fechada, se passando em uma região e não em vários conflitos do mundo.” – Lucas Johansson

“Algum dos personagens clássicos poderia morrer (Chris). Tem que terminar de vez com a história deles, Leon, Jill e Claire estão “velhos” de certa forma. Seria interessante ver a Moira assumindo um papel importante. Assim como a Claire. Durante a franquia inteira foi inspirada pelo Chris, Moira poderia também ser motivada a fazer suas escolhas devido a forte influência de Claire em sua vida. Aaaaah não esqueçam que a Natália poderia servir como uma ótima vilã, devido aos poderes que adquiriu na ilha.” – Mateus Fogaça 

“Quero o Revelations 3 antes do 8, e que explique melhor aonde o 7 se linka com o restante da franquia. Quero que esse próximo jogo mantenha a pegada trazida pelo 7 e RE2R, porém, mas perto do 2 Remake.” – Felipe Santos

“Gostaria que mantivessem essa pegada de survivor horror, puzzles, exploração, leva e trás de itens acrescentando um nível de dificuldade maior e mais desafios sem perder a essência dos jogos antigos. Tipo seguindo a linha do Resident Evil Code Veronica (Desenrolar da trama/enigmas). Novos personagens também seria um fator importante, contudo, personagens com mais carisma e a câmera em terceira pessoa.” – Thiago M. Kling

“RE3 Remake antes, e para o 8: Jill, e no mínimo um personagem já sumido (Rebecca, Carlos, Billy). Jogabilidade parecida com o Remake, só com um pouco mais de possibilidades de defesa, muitas bows diferentes (não apenas um mofado e variações), Tyrant ou algo parecido (quem sabe um Nemesis 2.0), ligação com REs anteriores, e [uma prévia] de RE9 ou Revelations 3.” – Bismarque Silva

“Quero que deem continuidade ao que já foi usado. Ou usar a Alex/Natalia no RE8 ou fechar a história do Rev2 num Rev3, usando a Jessica e o Raymond pra fazer um link com o Rev1. Podiam continuar com o Ethan/Mia pra redimi-los depois do RE7 (o jogo foi muito bom, mas eles foram sem sal). Confesso que o que eu mais sinto falta em RE é conexão explícita entre os jogos, já que os elementos de jogabilidade voltaram com o remake.” – Matheus Cardoso

“[Resident Evil 8] no estilo do remake com algumas novidades. Conclusão da saga dos personagens clássicos, a vilã poderia ser a Alex novamente.” – Rodrigo AlvesJá sobre um provável Resident Evil 3 Remake, as discussões entre os fãs no nosso grupo se concentram entre manter o estilo do novo RE2, que a história seja mais “amarrada” e em… Julia Voth como o rosto de Jill Valentine na releitura – há diversos abaixo-assinados nesse sentido para que a Capcom dê valor ao desejo da comunidade (clique aqui para ter acesso a um deles). “Quero a Jill, só isso (e com aparência de Jill, nada de fazerem igual fizeram com o Chris)”, diz Leonardo Papareli Barbosa.

O REVIL também não duvida que a releitura de Resident Evil 3 possa ser anunciada na E3 deste ano, mas só para reforçar que essa suposição qualquer pessoa poderia fazer.Apesar do desejo dos fãs, nunca se sabe o que há por trás das mangas da Capcom. Aproveitando o sucesso de Resident Evil 2 e ainda na vibe dos eventos de Raccoon City, a companhia pode até mesmo seguir em frente com um Resident Evil Outbreak.

Listamos aqui somente algumas possibilidades que estão na mente de muitos fãs para iniciar o debate sobre o futuro da franquia aqui mesmo no REVIL. Deixe a sua opinião também nos comentários desta notícia!

E que fique claro de uma vez por todas: não sejam atraídos por fake news. Especular não é de tão ruim, mas desde que esse tipo de situação seja feita de forma mais consciente.

Imagem/destaque: ClaraKerber

%d blogueiros gostam disto: