A temporada de 2018 foi de recordes e bons números para o eSports. No entanto, ainda existem alguns grandes torneios para serem realizados até o final do ano. Com maior destaque está a Capcom Cup 2018, que acontecerá em Las Vegas, no dia 14 de dezembro. Esta será a sexta edição da competição oficial de Street Fighter V, que começou em 2013. A Capcom tem investido pesado no mercado profissional de games, então o torneio tem conseguido maior notoriedade e importância.

A Capcom Cup já é quase uma tradição ao final do ano. Ela funciona como uma espécie de Mundial de Street Fighter V da produtora japonesa. Os jogadores que vão disputar o troféu se classificam pelo ranking da CapCom ProTour. Este é nome dado a todas as competições do game de luta que acontecem durante toda a temporada. Os jogadores disputam os torneios e vão sendo ranqueados até dezembro.

São 32 vagas para o torneio, mas apenas 31 são disputadas. O atual campeão de 2017, Saul Leonardo ‘MenaRD’ Mena, já tinha vaga garantida para este ano, já que vai defender o título. Enquanto isso, os 30 melhores classificados no ranking até dezembro garantem vaga para o torneio. A última fica para o vencedor de uma eliminatória que ocorre dias antes da Capcom Cup. Dessa forma, os 32 finalistas são conhecidos apenas no dia final do torneio.

Em 2017, a Capcom Cup aconteceu no Anaheim Convention Center, na Califórnia, e foi considerada um sucesso. Com uma premiação de 350 mil dólares, o torneio fechou a temporada de forma positiva para o eSports e também para a Capcom. Segundo dados da ESC, quase três milhões de espectadores acompanharam o torneio pela internet. A ideia é que neste ano este número seja ainda maior, assim como o sucesso da competição.

O Brasil não deve conseguir um representante no torneio, já que a única chance fica com o jogador Thomas Proença, o Brolynho. Apesar de uma história recheada de títulos, o competidor ficou devendo na reta final da temporada e não deve conseguir terminar o ano entre os 30 melhores do ranking mundial. No entanto, com a eliminatória antes da competição dando chances para todos, existe ainda a possibilidade.

O eSports continua a crescer na temporada 2018

Com o ano já acabando, os números e dados do eSports na temporada começaram a mostrar como a indústria tem conseguido crescer. Segundo dados da empresa Newzoo, a audiência de campeonatos em 2018 está perto dos 380 milhões de espectadores. Além disso, só de patrocínio já conseguiu atingir o valor de 694 milhões de dólares. Números que colocam a indústria dos games profissionais como uma das maiores do mundo.

No Brasil, o efeito já aparece principalmente na mídia. Desde o ano passado, o canal esportivo com maior audiência no país, a SporTV, tem investindo em uma edição apenas para eSports. É o e-SporTV, que possui canal no Youtube e também algumas programações especiais na TV. A ESPN Brasil também já realiza transmissões de campeonatos e jornais voltados para o eSports. Fora da mídia também existem outras empresas investindo nos gamers. O portal de apostas da Betway, por exemplo, não tem apenas patrocinado alguns eventos e equipes, como a brasileira MIBR, mas também possui uma seção no próprio site voltada apenas para quem deseja apostar em jogos de eSports.

Além disso, os eventos esportivos também estão em alta por aqui. Recentemente, a cidade de Belo Horizonte foi sede do ESL One, um dos principais torneios de Counter-Strike:Global Offensive do mundo. E com um público de quase 35 mil pessoas presentes (e em torno de 50 mil online), foi considerado um sucesso e também uma abertura para mais eventos. Além disso, a presença de feiras, como a Brasil Game Show, tem acontecido em maior escala pelo país. Brasília, em novembro, foi sede da primeira GameCon da cidade.

O ano de 2018 já é considerado um sucesso para o mundo do eSports. Porém, terminar a temporada com a Capcom Cup é ainda melhor, principalmente para os fãs não apenas de Street Fighter V, mas também da empresa japonesa responsável por Resident Evil. Um dos últimos torneios gigantes do ano, talvez o maior de dezembro, deve ser uma despedida para mostrar de vez que os gamers profissionais estão conquistando o mundo, seja ao vivo, na internet ou na TV.

%d blogueiros gostam disto: