02fEuf-_FSI

Resident Evil é uma franquia cheia de personagens icônicos e parte importante da trama da franquia se desenrola em cima das relações entre esses personagens e suas interações. Com mais de 21 anos de história e mais de 2 dezenas de jogos lançados nesse período, era natural que encontros e desencontros ocorressem.

Algumas duplas de personagens tem importantes ligações entre si, seja por terem passado juntos por um momento de grande importância na história de Resident Evil, seja por nutrirem uma grande rivalidade, ou seja por terem assuntos não resolvidos com seus pares.

E é justamente disso que essa edição do Top 5 REVIL vai tratar. Vamos contar para vocês os cinco grandes reencontros entre personagens que ocorreram durante a história de Resident Evil.

5 – Sherry e Leon em RE6

Muita gente fica com um pé atrás quando o assunto é Resident Evil 6. Mas foi em nele que dois personagens presentes em um dos mais icônicos capítulos da franquia se reencontram, estamos falando de Leon S. Kennedy e Sherry Birkin.

Eles se reencontram após muitos anos em meio ao caos do C-vírus na China. Leon e Sherry se conheceram lá em 1998 nos acontecimentos de Resident Evil 2 em Raccoon City. Após o ex-policial encorajar Claire á ir atrás de seu irmão, Leon fica responsável por Sherry e eles são resgatados por oficiais do governo dos EUA. Devido aos anticorpos contra o G-vírus que estão alojados em seu organismo,  Sherry é mantida sob tutela do governo norte-americano, mas Leon tenta impedir que isso aconteça, mas acaba não conseguindo impedir que Sherry seja levada. Por conta de sua experiência adquirida após o combate com armas biológicas durante os acontecimentos de RE2, ele se torna uma peça valiosa e é obrigado a trabalhar para o governo norte-americano e perde o contato com Sherry.

A jovem garotinha foi mantida em um local secreto onde era alvo de pesquisas do governo dos EUA, que queriam entender melhor o funcionamento do G-Vírus e dos anticorpos presentes em seu organismo. Mais tarde, Sherry aceitou o cargo de agente do governo americano em troca de sua liberdade, e sob os olhares de Derek Simmons, que acabou virando seu guardião, ela acabou entrando para a DSO. Após anos, os dois agentes acabam se encontrando na cidade de Lanshiang na China em 2013.

4 – Claire e Chris em RECVX

Embora seja o primeiro encontro de fato entre os irmãos Redfield, é o reencontro deles após meses sem contato, e esse é sem dúvidas um dos reencontros que os fãs mais aguardavam. E foi em Resident Evil Code Veronica X que ele aconteceu!

Após sua busca sem sucesso em Raccoon City pelo seu irmão, o reencontro dos irmãos Redfield estava marcado. Encorajada por Leon ao procurar por seu irmão, Claire parte sozinha e acaba invadindo um dos laboratórios da Umbrella em Paris, mas ela acaba sendo capturada e é levada para a Ilha Rockfort, propriedade dos insanos e decadentes Ashfords. E claro que, onde tem Redfield tem o que? Tretas! A Ilha sofre um ataque onde é espalhado o T-vírus. Claire encontra um outro prisioneiro chamado Steve Burnside, e graças a um computador ele conta para Claire que seu irmão está sendo vigiado pela Umbrella há meses. Usando o mesmo terminal, Claire entra em contato com Leon e o envia as coordenadas do local para que Chris pudesse vir resgatá-la. Chris recebe essas idnicações e vai atrás de sua irmã na Ilha Rockfort, mas ao chegar no local, ele descobre que Claire e Steve haviam partido para a Antártida. Prestes a deixar o complexo da Umbrella na Antártida, Claire acaba sendo aprisionada por uma espécie de casulo por Alexia. Chris chega na Antártida e encontra sua irmã e a salva. E o tão esperado reencontro acontece.

E esse reencontro ainda se torna mais icônico, afinal de contas, Resident Evil CODE Veronica é de certa forma, a saga da família Redfield contra a família Ashford, em um dos melhores roteiros já escritos para os jogos da franquia. Aliás, CODE Veronica nos brindaria com mais um reencontro épico, e vocês vão saber qual é ele mais pra frente nesse Top 5.

3 – Leon e Ada em RE4

E a nossa medalha de bronze vai para o casal mais complicado de Resident Evil –  e enquanto você escutava isso, ele foi feito de trouxa mais uma vez.

Tudo começou quando Leon S. Kennedy conheceu a misteriosa Ada Wong lá em 1998 na RPD. Durante os acontecimentos eles acabaram desenvolvendo um sentimento um pelo outro, chegando até o ponto de Leon levar um tiro por Ada. O que ele não sabia, era que ela não era apenas uma cidadã, e sim uma espiã que estava ali para coletar uma amostra do G-vírus. Já no laboratório, a espiã é gravemente ferida e finge sua própria morte para enganar Leon e fugir com a amostra do G-vírus. O que ela acaba conseguindo.

Em 2004, Ada recebe a missão de ir até uma região remota da Espanha para conseguir uma amostra do da Plaga Controladora a mando de Albert Wesker. E onde tem Ada tem quem? Leon, é claro!

Após completar várias missões pro Governo dos EUA, o agente passa a ser o responsável direto pela segurança da filha do presidente, Ashley Graham, que eventualmente acaba sendo sequestrada por Jack Krauser a mando de Osmund Sadller. Com o incidente encoberto pelo Presidente, Leon vai viaja até uma Vila na Espanha para resgatar a garota, mas o que ele não contava era que os moradores violentos daquele lugar, estavam sendo controlados por um parasita chamado Las Plagas. E Leon também não contava, que depois de 6 anos  ele teria um reencontro de tirar o fôlego com a mulher do vestido vermelho: Ada Wong.

Como sempre, Ada deixa Leon sem respostas para seus inúmeros questionamentos. Durante RE4, vemos os dois interagindo diversas vezes, e no extra Separate Ways vemos que além de cumprir sua missão, Ada também agiu como uma espécie de guardiã de Leon enquanto ele buscava o resgate de Ashley. A verdade é que mesmo fazendo o Leon de trouxa em 99% das vezes, Ada Wong tem aquele 1% de queda pelo agente que faz sempre com que ela acabe entrando em apuros para ajudar o homem da franja de aço.

2 – Jill e Chris em RE5

Em segundo lugar, um dos momentos mais marcantes da franquia que aconteceu em Resident Evil 5. Em agosto de 2006, os parceiros de longa data, Chris Redfield e Jill Valentine, descobrem o paradeiro de Ozwell E. Spencer e vão até uma mansão na Europa prendê-lo. Mas já era tarde demais e a dupla acaba encontrando Spencer morto. E eles acabam sendo surpreendidos por Albert Wesker, e iniciam um confronto. A luta termina tragicamente, quando Jill salta sobre Wesker e cai de uma janela para evitar que Chris seja assassinado pelo vilão. Em novembro de 2006, a B.S.A.A. encerrou as buscas pelo corpo de Jill e a agente foi dada oficialmente como morta. Abalado com o falecimento de sua parceira, Chris se esforça ainda mais em sua luta contra armas Biológicas.

Ele se envolveu em tantas operações que logo acumulou mais missões do que qualquer outro membro da B.S.A.A. Mas é em 2009 numa missão em Kijuju na África, junto com sua nova parceira Sheva Alomar, que eles descobrem que Jill não só estava viva, mas que também estava sendo mantida sob disfarce e mascarada por Wesker. Ele havia salvado a agente da queda e estava controlando suas ações através de um implante no peito de Jill, que liberava um composto chamado P30. Chris não só reencontra sua ex parceira, como também há um confronto entre ambos.

Na luta, Jill está completamente fora de si por conta do controle implementado pelo dispositivo P30, e lança ferozes ataques contra Sheva e Chris, que se nega a atacar sua antiga parceira com todas as suas forças, e tenta fazê-la lembrar de quem ela realmente é. Após uma tensa batalha, Chris remove o dispositivo do peito de Jill com a ajuda de Sheva, e vê sua antiga parceira finalmente voltar a si. Debilitada, Jill pede para que Chris siga sua missão ao lado de Sheva, e coloque um ponto final nos planos megalomaníacos de Wesker.

1 – Chris e Wesker em RECVX

Em primeiro lugar, ficou um reencontro memorável tanto para nós fãs, quanto para os personagens envolvidos. Estamos falando dos ex-membros dos S.T.A.R.S, Chris Redfield e Albert Wesker.

Após a traição do ex-capitão e o incidente na Mansão em julho de 1998, Chris vai para a Europa  investigar a Umbrella por conta própria e meses depois, em dezembro, acaba recebendo uma mensagem de Leon S. Kennedy, informando que Claire Redfield estava presa na Ilha Rockfort, local que era propriedade da família Ashford, uma das fundadoras da Umbrella.

Chris parte até a Ilha para libertar sua irmã, mas acaba chegando tarde demais, pois ela havia partido para a Antártida em um avião. Chris acaba sendo surpreendido ao reencontrar Albert Wesker, quem ele acreditava ter morrido na mansão poucos meses antes. Ele descobre que Wesker havia sido atacado pelo Tyrant propositalmente para que um vírus experimental que lhe fora entregue por William Birkin fizesse efeito e o trouxesse à vida novamente. Mas o que o ex-membro dos S.T.A.R.S não contava, era que o vilão havia adquirido poderes sobre humanos, e ele acaba descobrindo isso da pior forma, e apanha feio de Wesker.

Não bastando essa primeira surra, Chris tem outros dois encontros com Wesker. Um deles, Ambos são atacados por Alexia Ashford, que graças aos poderes do T-Veronica lança contra os dois labaredas de fogo. Wesker foge deixando a bronca para Chris lidar sozinho. E já no final da jornada, após derrotar definitivamente Alexia e resgatar Claire, Chris é novamente confrontado por Wesker em uma das maiores surras já vistas na história dos games. Chris é socado, chutado, arremessado, levantado… parece um boneco de pano sendo espancado por Wesker.

Apesar disso, Chris consegue escapar das garras de seu ex-capitão e sai da base da Antártida antes de seu completo colapso!

  • Kyle Reese

    O 1 e 4 são meus preferidos. Ver Claire e Chris juntos é algo que eu sempre imaginava quando jogava o segundo game. O reencontro de Chris e Wesker foi recheado de pancadarias e ótimas cutscenes.

  • Jackson Leite

    Amo demais essa franquia! E tenho a humildade, perante o site, em dizer que o texto está excelente, mas precisa de uma pequena revisão pra corrigir alguns errinhos.
    Não consigo desapegar do REVIL.
    O encontro que aguardei com mais ansiedade foi o de Chris e Jill em RE5. Via os vídeos de divulgação no YouTube e chorava por não ter um ps3. Foi meu primeiro game e consequentemente a primeira DLC.

    *Apenas uma pergunta fora do contexto pro REVIL: Vocês acham que será divulgado algo sobre RE2 Remake agora na E3?

  • Sokholov

    Eu trocaria o n°1 pelo Wesker x Chris em RE5.
    Eu entendo o impacto na época de quem descobriu ali que Wesker havia não havia morrido no RE1, além de ele mostrar seus super poderes pela primeira vez, mas no Code Veronica Chris tomou a maior surra do Wesker, na pele do Redfield eu ia querer é esquecer este dia, hahaha.

  • Marcos

    Cadê o melhor de todos:
    https://uploads.disquscdn.com/images/8d8549d0aeb1d223547a1a48a189e44e74662e3370705e76bcf6f35878102a5e.jpg

    Em que os protagonistas definitivos da Capcom se encontram cara a cara pela primeira vez…

  • Maester Alex

    Meus reencontros favoritos são o do Chris com Jill e Wesker no RE5, e o do Chris com Claire no Code Veronica.

  • ratStar

    Chris e Jill em RE5! Leon e Ada em RE4!

  • Daniel

    Só encontros memoráveis, adoro todos, top está perfeito.

    • Rakuyo

      Épicos sem mais!

  • Luis Felipe Soares

    Pra mim o melhor reencontro foi Chris x Jill x Wesker em Resident Evil 5. Finalizou legal.

  • Fanboy Maldito

    personagens pra que? o importante é dar sustinho.

    • Rodrigo Zika!

      Não, o importante e novela mexicana, e um clone sem sentido.

      • Fanboy Maldito

        o fantasma do 7 também é importante pra você?

        • Rodrigo Zika!

          Não e questão de ser importante, e sim você dizer que RE 7 e irrelevante, sendo que RE 6 não chega a ser melhor em enredo.

          • Fanboy Maldito

            os dois são duas merdas irrelevantes. tá bom assim?

          • Rodrigo Zika!

            Ai e você quem diz kkkk

  • Leko

    Sei que o Re4 é um marco na historia de Resident Evil, mas que o Re4 é Epico isso ninguem pode negar, temos Leon e Ada juntos pra chutar bundas dos Ganados e Companhia!!!

  • Rodrigo Zika!

    Gostei no RE 4 Leon e Krauser, e RE 5.

  • Caio Vinicius Viana Lima

    Jill e Chris no Re5 é meu preferido sem duvidas.
    Ainda acho que esse jogo devia ter terminado em casamento maas é aquele ditado:
    Vamos fazer o que?

  • Doug Andrade

    Eu queria muito ver a Claire e Sherry juntas novamente.

  • Thiago Gonçalves

    Os reencontros de Jill e Wesker foram sensacionais, seus plots ajudaram bastante para eles serem assim, uma pena que a Sherry tinha que aparecer em RE6, mas quando a loirinha apareceu foi emocionante pelo fato de vê-la grande após os incidentes de Raccoon City.

    • Rodrigo Zika!

      Ficou uma dlç, ainda mais com mods haha

%d blogueiros gostam disto: