Carlos Oliveira Resident Evil 3

Carlos Oliveira

Perfil

Nome: Carlos Oliveira
Nascimento: 1977
Altura: 1,82m
Peso: 83Kg
Tipo Sanguíneo: O
Afiliações: U.B.C.S
Status: Vivo

Carlos Oliveira é um soldado de origem latino-americana. Criado em meio ao conflito, ele aprendeu desde pequeno a se defender, tornando-se um especialista em armamento e veículos pesados.

Carlos se tornou um mercenário bem cedo. Durante sua juventude, ele se juntou a um grupo de resistência antigovernamental na América do Sul.
Apesar dos esforços, o grupo não obteve êxito e foi eliminado pelo governo.

Ele então ingressou na Umbrella Corporation, onde atuava como mercenário e serviu aos interesses da empresa.


Operação: Raccoon City

De 28 a 30 de setembro de 1998

Resident Evil The Umbrella Chronicles Carlos Oliveira

Carlos Oliveira era um mercenário da unidade Delta A da U.B.C.S. (Serviço de Contramedidas de Risco Biológico da Umbrella), quando sua equipe foi enviada para agir no incidente com o T- Vírus que vitimou Raccoon City, onde suas ordens seriam de prestar socorro aos civis, auxiliar na evacuação da cidade e resgatar algumas figuras importantes para a Umbrella denominadas apenas como V.I.P.’s.

Ao desembarcar na cidade, os mercenários se depararam com uma situação fora de controle. Rapidamente, todas as equipes da U.B.C.S. enviadas para a cidade foram dizimadas e, os poucos, sobreviventes começaram a buscar uma forma de fugir daquele inferno, até mesmo os próprios mercenários sobreviventes.

Carlos Oliveira, nesse caos todo, também estava tentando sobreviver, quando encontra abrigo em uma dos restaurantes do centro de Raccoon City, e por lá fica um tempo escondido, sendo achado por Jill Valentine , que o seguiu quando viu o mercenário atirando em alguns zumbis no caminho. Ele, então, se apresenta e fala sobre a sua missão na cidade, porém durante a conversa, os dois são surpreendidos por Nemesis e se abrigam no porão do restaurante, fugindo pelo duto de ventilação do local.

Do lado de fora, Carlos é questionado por Jill sobre a verdadeira missão do seu grupo, e o mercenário volta a afirmar que eles estão lá para resgatar os civis, pedindo ajuda de Jill e indo embora em seguida.

Mais à frente, Carlos se encontra com Jill novamente, voltando a dizer que ela deveria se unir ao grupo de mercenários sobreviventes, mas Nicholai Ginovaef se mostra contra a ideia. Carlos expõe toda a gravidade da situação e acaba convencendo-o a aceitar a moça na equipe. O sargento, então, sugere que o grupo utilize o bonde como meio de locomoção até a Torre do Relógio, onde um helicóptero poderá resgatá-los. Ambos, então, acabam concordando com a ideia e, antes de partir, Carlos entrega um colete que irá auxiliar Jill em sua jornada pela cidade.

Carlos Oliveira começa, então, a busca por equipamentos que iriam ajudar a fazer o bonde voltar a funcionar, e nessa busca, encontra seu parceiro de U.B.C.S. Murphy Seeker, vendo que o mesmo estava infectado e pede para Carlos matá-lo, só que nesse momento Jill chega e assiste perplexa toda aquela situação. O mercenário reluta no início, mas acaba matando Murphy quando ele se transforma em zumbi. Completamente transtornado, Carlos foge sem ao menos tentar se explicar para Jill.

Pouco tempo após toda essa situação, Carlos e Jill conseguem reativar o bonde, aproveitando o encontro para conversar sobre a morte de Murphy, então Carlos se dirige para o início do bonde para opera-lo, escutando de Jill que Nicholai não virá.

Carlos e Jill, enquanto se movem com o bonde, um forte impacto faz o transporte balançar. Ambos sentem o impacto e escutando um gemido de dor de Mikhail Victor, preocupando Carlos, porém como ele estava pilotando o bonde, não pode ir ajudar, deixando essa tarefa para Jill. Após a longa batalha contra o Nemesis, que estava no vagão, e devido à explosão da bomba de Mikhail, o mesmo danifica os freios do vagão, que acaba descarrilando, fazendo com que Carlos pule da janela sem saber o que acontecera com Jill no acidente.

Carlos Oliveira, encontrando Jill pouco tempos após o acidente, aliviado por ela ter sobrevivido, concorda em continuar com o plano inicial e, mesmo com os diversos imprevistos sofridos na Torre do Relógio, é Jill quem consegue acionar o sino do local, vendo o helicóptero da U.B.C.S. chegar para resgatá-los, porém para a má sorte de ambos os sobreviventes, antes mesmo que o resgate fosse feito, a aeronave é derrubada por Nemesis.

O monstro, mais uma vez, tenta eliminar a policial, mas Carlos aparece para tentar impedi-lo, porem acaba desmaiando após ser atacado pela criatura. Assim que o mercenário recobra a consciência, vê Jill Valentine desmaiada na sua frente, pegando a policial no colo e levando ela para a capela da Torre do Relógio.


“The Last Escape”

01 de outubro de 1998

Resident Evil 3 Nemesis Jill Valentine and Carlos Oliveira

Carlos Oliveira permanece ao lado de Jill Valentine até que a mesma acorde, já no dia 1° de outubro. O mercenário, então, escuta da policial que ela foi infectada com o T-Vírus, tentando acalmá-la logo em seguida e dizendo que irá buscar a cura.

O mercenário, então, parte para o Hospital de Raccoon, onde se encontra com Tyrell Patrick, também mercenário da U.B.C.S. e de seu Pelotão. Ferido, diz que foi atacado por outro mercenário, então Carlos o questiona sobre a identidade do traidor, mas nesse instante, Tyrell abre um cofre e uma bomba que estava dentro dele detona, matando-o. Suspeitando de Nicholai, Carlos segue em busca do antídoto para o T-Vírus.

Após vasculhar o hospital, ele consegue o antidoto, mas na hora de retornar para Jill, ele se vê novamente em perigo: diversas bombas foram plantadas no hall de entrada do hospital, fazendo com que ele fuga desesperadamente, conseguindo escapar da explosão que leva o hospital abaixo.

Carlos Oliveira retorna à capela e administra a vacina em Jill, que acordando, o mercenário lhe avisa que Nemesis ainda está atrás dela e que Nicholai continua vivo, advertindo que Jill não deve confiar no sargento e que ele seria outro inimigo dos dois. Em seguida, Carlos afirma que precisa fazer algumas investigações e parte sozinho.

Carlos reencontra Jill nos esgotos da Dead Factory, informando a ela sobre os planos do governo de destruir a cidade utilizando um míssil nuclear e, mais uma vez, adverte sobre o perigo que é Nicholai.

Os dois se separam, mas rapidamente se reencontram. Jill conta para Carlos que Nicholai fugiu com o único helicóptero que havia no local, mas o mercenário afirma que não irá desistir e continua procurando outro meio de fugir da cidade. Nesse momento, eles recebem uma chamada pelo rádio: uma pessoa desconhecida chama por Jill e avisa que está indo resgatá-la, então os dois se separam novamente para buscar uma rota de saída.

Após uma dura batalha onde Nemesis foi definitivamente derrotado, Jill e Carlos se reencontram na parte externa da fábrica. Ele acende um sinalizador para que o helicóptero de resgate os localize, e ao embarcar, Jill percebe que o piloto que disse que estava indo resgata-la é Barry Burton, seu parceiro da S.T.A.R.S.

Carlos Oliveira presencia, junto de Jill Valentine e Barry Burton, a destruição completa de Raccoon City enquanto são resgatados.


Em Resident Evil 3 (2020)

Reisdent Evil 3 Carlos Oliveira

Carlos Oliveira é um dos mercenários do Pelotão Delta da U.B.S.C. (Serviço de Contramedidas de Risco Biológico da Umbrella) que está em Raccoon City para resgatar sobreviventes da epidemia do Vírus T na cidade.

Após ter uma baixa muito grande em sua equipe, Carlos consegue um abrigo para os cidadãos sobreviventes e para demais membros da sua equipe, sendo eles o capitão do Pelotão Delta Mikhal Victor e mais dois mercenários: Nicholai Ginovaef e Tyrell Patrick.

Carlos, junto com Tyrell e Nicholai, recebem ordens de sair do abrigo e tentar religar a energia e todo o sistema que faz o metrô da cidade funcionar, onde eles estavam abrigados, e também, no caminho, continuar resgatando sobreviventes. O objetivo é tentar sair de Raccoon City pelo metrô com todos os sobreviventes possíveis, levando-os para um local mais seguro para aguardar extração. O Capitão Mikhal ficaria no abrigo, já que estava ferido devido uma possível emboscada que seu Pelotão sofreu.

Carlos Oliveira, então, começa a desbravar as ruas infestadas de Raccoon City, passando por diversos inimigos e criaturas bizarras. Em um desses momentos, ele vê Jill Valentine caída ao chão sendo quase encurralada por Nemesis, é quando Carlos atira duas vezes com seu Lança-Foguetes, parando a criatura e tendo tempo para resgatar e tirar a moça dali.

Na entrada da estação de metrô, Carlos explica para Jill que ele e seus “parças” estão transformando os vagões do metrô em esconderijo para os sobreviventes, dizendo ser o local mais seguro por hora, direcionando Jill para um desses vagões. Nesse momento, o mercenário é questionado por Jill, no caminho, sobre Nemesis, porém ele diz também desconhecer tal criatura, mas reconhece que ele está atrás de algo, aproveitando a deixa para fazer uma de suas piadas para Jill.

Finalmente, Carlos diz que faz parte da U.B.C.S. para a policial, a deixando ainda mais brava, ouvindo dela que a Umbrella que é a responsável por toda a epidemia e caos em Raccoon City. O mercenário, porém, fica perdido na conversa e diz não saber de nada sobre isso, e que está lá na cidade somente para resgatar os sobreviventes, e que a moça não precisa confiar nele se assim desejasse, porem o esconderijo estaria disponível para ela.

Carlos Oliveira chega a um dos vagões com Jill, e apresenta a moça para seu capitão, porém Mikhal já a conhece de nome, deixando todos cientes que ela era agente de elite do S.T.A.R.S.

Carlos fica cuidando dos ferimentos de Mikhal enquanto o capitão explica todo o plano de resgate pelo metrô, pedindo ajuda de Jill. Carlos tenta tranquilizar a policial para trabalhar junto com eles, dizendo que todos ali querem a mesma coisa: resgatar o máximo de sobreviventes possível e sair da cidade. O mercenário, então, entrega um rádio de comunicação a “Supercop” e diz que tem suprimentos no térreo do local, voltando aos cuidados de Mikhal.

Por rádio, Carlos explica para Jill que para religar a energia do metrô, ela irá precisar chegar à subestação de energia da cidade, fazendo várias piadas costumeiras do mercenário.

Após um bom tempo, Carlos recebe uma chamada de Jill pelo rádio, ouvindo dela que conseguiu religar a energia principal, e que agora ela pode ativar novamente a infraestrutura do metrô, religando o sistema de controle de trafego no escritório da empresa responsável por isso.

Pouco tempo depois, Carlos recebe outra ligação de Jill e escuta a policial falando que ela está sendo perseguida por Nemesis, então o mercenário pede para que a policial volte imediatamente para a estação, porém Jill se recusa a fazer isso até religar toda a estação e fazer o plano de resgate funcionar.

Carlos Oliveira orienta Jill, já no escritório e por rádio, que ela precisa traçar uma rota para o metrô andar, explicando que eles estão parados na estação Redstone Street e eles precisam chegar à estação Fox Park. Assim que Jill consegue traçar a rota, o mercenário diz a Jill que irá preparar o metrô para sair e que é para ela voltar a estação.

O mercenário reencontra Jill na entrada da estação junto com Nicholai e Tyrell. Carlos diz a Nicholai que a policial está ajudando-os a religar todo o metrô, já que Nicholai questiona o porquê dela estar ali. Carlos diz a Nicholai, também, para ele pegar leve com a situação.

Carlos tenta se desculpar com Jill, dizendo que todos ali estão nervosos e tensos com o caos instalado em Raccoon City, porém é interrompido por algo entrando na estação: Nemesis. Ele e Jill tentam prosseguir para os vagões, mas CarlosJill voltando para confrontar a criatura, se desesperando por não poder fazer nada para parar a “Supercop”.

Após um tempo, Carlos consegue contato via rádio com Jill e pergunta se ela estava bem depois de tudo aquilo, e que o metrô estava pronto para partir, e que todos só estão esperando ela voltar.

Carlos Oliveira, já passado mais um tempo desde o último contato por rádio com Jill, conversa novamente com a policial, ficando aliviado em saber que ela estava bem e que Nemesis tinha sido supostamente derrotado. Ele dá uma bronca em Jill, dizendo que ela não tinha pensado direito se arriscando daquele jeito, indo para confronto aberto contra a criatura e se tornando isca fácil para o monstro, podendo ter morrido ali mesmo, porém agradeceu tal ato da policial, dizendo a ela mais uma vez para ir para a estação de metrô logo.

Pouco tempo depois desse contato, Carlos chama Jill novamente pelo rádio devido a demora da policial em voltar para a estação, descobrindo pela moça que infelizmente Nemesis ainda estava vivo e estava atrás dela novamente. Carlos, então, diz a Jill que tem um plano para atrasar a criatura e pede para ela voltar a estação de metrô imediatamente.

Carlos Oliveira finalmente se reencontra com Jill, na entrada da estação do metrô e pede a ela para que o siga, ambos fugindo de Nemesis, chegando ao posto de gasolina Stagla. O mercenário consegue atrasar Nemesis explodindo o local e se protegendo junto com Jill em uma das garagens próximos dali que, maravilhosamente, daria acesso de volta as plataformas da estação de metrô.

O mercenário escuta todo o pedido de desculpas de Jill, pelo seu comportamento inicial, a caminho da plataforma do metrô, dizendo a ela que a “Supercop” salvou ele primeiro mesmo assim, e que é mais corajosa que ele. Carlos, então, conta para Jill que não embarcará nessa viagem com eles, pois recebeu outras ordens de serviço, e que não se importava com isso, desde que essas ordens ajudassem a salvar Racoon City, ele estaria bem com isso.

Carlos Oliveira vai até seu capitão Mikhal e até o outro mercenário Tyrell, onde descobre sobre seu novo objetivo: voltar para o centro da cidade e achar o cientista Nathaniel Bard, pois a vacina do mesmo contra o Vírus T poderia salvar a todos.

Para tranquilizar Jill, Carlos diz para ela ir na frente e não se preocupar, porque ele não morreria e deixaria a policial “nesse mundo frio, cruel e sem Carlos”.

No dia 29 de Setembro, ás 02h34 da manhã, Carlos Oliveira e Tyrell Patrick chegam ao portão oeste da R.P.D. (Delegacia de Policial de Raccoon City), escutando uma breve piada de Tyrell sobre como Carlos se importava com “sua gatinha”, e claro que Carlos revidou, respondendo que Jill não seria desse e de nenhum tipo assim, adentrando no pátio da R.P.D.

O mercenário, então, acha estranho como o local aparenta ser mais um cemitério, porem avança com cautela junto com Tyrell. Antes de poder avançar mais, escuta alguém gritando, e é nesse momento que Carlos presencia a cena em que o policial Marvin Branagh confronta o policial Brad Vickers, agora infectado.

Após a tentativa falha de Marvin em atirar no então amigo de profissão, Carlos teve que exterminar a ameaça do “zumbi Brad” para avançar, entrando no hall principal da R.P.D., acompanhando Tyrell até um notebook. Ali, pensando achar o cientista Nathaniel na R.P.D., o mercenário recebe a missão de ir ao escritório do grupo S.T.A.R.S., onde saberiam mais sobre o paradeiro de Nathaniel. Carlos acha muito estranho como toda essa missão está sendo abordada, pois não se parecia nada a um resgate de um civil, e descobre que realmente não é, ouvindo de Tyrell que essa seria mais uma missão de “busca e apreensão” do cientista, comandado pela própria Umbrella.

Carlos Oliveira avança pela delegacia, enfrentando e derrotando vários zumbis e até Carnífices (Lickers), até ter acesso ao escritório do S.T.A.R.S., onde consegue se comunicar com Dr. Nathaniel Bard através de um computador. O mercenário pergunta onde o cientista está aguardando o resgate, descobrindo que o doutor está no hospital da cidade e escutando também todas as exigências do Dr. Bard quieto, até que a ligação é encerrada, deixando Carlos preocupado e falando pra Tyrell que eles não podiam mesmo deixar o cientista nas mãos da Umbrella.

Enquanto Tyrell tenta localizar o hospital mencionado pelo Dr. Bard, Carlos recebe uma ligação via rádio de Jill, o deixando preocupado por escutar de Jill que o metro em que estavam descarrilhou devido a um ataque de Nemesis, matando todos os sobreviventes e também seu capitão Mikhal. O mercenário também recebe o alerta da Jill sobre a conduta que Nicholai teve nesse ataque, porém a chamada é interrompida, deixando Carlos sem saber o porquê e ainda mais preocupado. Ele sai do escritório e vai atrás de Jill a todo custo, isso já no dia 29 de Setembro, ás 04h43 da manhã.

Carlos Oliveira consegue encontrar Jill Valentine somente cerca de 12 horas depois, caída no chão e desorientada, próxima a praça da Torre do Relógio St. Michael, entrando em contato com Tyrell e dizendo para ele que Jill foi infectada, e que iria levar a policial ao hospital, pois talvez Dr. Bard tenha a cura para o estado atual dela. O mercenário, então, carrega Jill por cerca de 5 horas até encontrar o Hospital Memorial Spencer, no dia 29 de Setembro ás 21h20 da noite, deixando Jill deitada em uma das macas da sala de espera na entrada do hospital.

Com total determinação e contra o tempo, Carlos começa sua exploração pelo hospital atrás do Dr. Nathaniel Bard e a cura para Jill, enfrentando centenas de zumbis pelo caminho e também os temíveis Caçadores β (Hunter β ).

O mercenário finalmente consegue acesso ao laboratório do cientista Nathaniel, mas encontra o mesmo já morto com um tiro na cabeça, ligando para Tyrell e contando o que acabou de achar. Ele checa, então, o computador do cientista e descobre toda a verdade sobre a Umbrella através de um vídeo gravado pelo Dr. Bard antes de morrer. Carlos fica surpreso em saber que Jill confiara nele mesmo o mercenário trabalhando para a empresa farmacêutica, quebrando o computador num acesso de raiva. Ele consegue uma vacina nessa sala particular do Dr. Bard e volta até Jill com ela, aplicando a vacina na “Supercop”.

Carlos Oliveira fica observando a reação de Jill a vacina até Tyrell chegar ao hospital, mostrando o noticiário para o mercenário, onde descobre que Raccoon City foi decretada como contágio incontrolável e que a cidade seria obliterada por um míssil. Carlos não entende a decisão absurda, pois ainda existem sobreviventes na cidade, mas antes que pudesse continuar o assunto, ele e Tyrell escutam zumbis no lado de fora da entrada do hospital.

O mercenário, então, faz toda a contenção da sala de espera pelo lado de fora, para que os zumbis não ultrapassassem, deixando Tyrell lá dentro para cuidar de Jill e tentar contato com o governo americano. Após enfrentar a horda de zumbis e alguns Caçadores β, explodindo um dos pilares do hall principal do Hospital Memorial Spencer para bloquear a entrada do local, Carlos volta a dar atenção a Tyrell e Jill, vendo que a vacina funcionou e vê melhora na policial. Com isso em mente, o mercenário parte em busca de mais possíveis vacinas no NEST 2, pedindo a Tyrell que ele tentasse ganhar tempo com o governo americano, dizendo que tinham a vacina para acabar com essa epidemia do Vírus T na cidade.

Já no dia 01 de Outubro, pouco depois das 00h20 da madrugada, Carlos Oliveira reencontra Jill enfrentando a segunda transformação de Nemesis no Centro de Descarte do NEST 2, atacando a criatura sempre que possível com a ajuda de um guindaste e dos tanques com solventes químicos que tinham no local.

Após a batalha, o mercenário segue atrás de Jill, que está para enfrentar a terceira e última transformação monstruosa de Nemesis, escutando o pedido da policial para que ele vá atrás de Nicholai e pegue a única amostra da vacina contra o Vírus T. Mesmo preocupado com Jill, Carlos atende as ordens da “Supercop”.

Em algum momento, Carlos consegue alcançar Nicholai, mas por motivos desconhecidos, é encontrado desacordado por Jill ao lado de um helicóptero, no heliponto do NEST 2. Depois da discussão entre Nicholai e Jill, o mercenário aproveita o momento de distração do Nicholai e o ataca, imobilizando-o de frente para Jill, pedindo a policial para que atire. Carlos insiste para que Jill atire, já que a policial reluta em fazer tal ação pois ela poderia atingir Carlos, mas ele diz que não tem outro jeito.

Como previsto, Carlos recebe o tiro de raspão, sendo jogado no chão pelo impacto e dor, olhando para Jill, que estava toda preocupada, soltando a frase “Ei, eu te falei que não ia te deixar num mundo sem Carlos. Ia ser crueldade”.

Levantando do chão, Carlos pergunta para Jill o que eles iriam fazer com Nicholai, e entra no helicóptero para liga-lo e preparar para sair da cidade.

Ambos sobrevoam Raccoon City e conseguem ver a chegada do missíl, atingindo e disseminando totalmente tudo o que tinha na cidade, sem deixar um rastro sequer para trás.

Carlos Oliveira e Jill Valentine são atingidos pela onda da explosão, mas conseguem segurar o impacto, deixando Carlos finalmente aliviado por tudo ter acabado bem.

Final Alternativo: se o jogador não atirar em Nicholai ou errar esse tiro no final de Resident Evil 3, outra cena aparece, onde mostra Carlos tendo a garganta cortada pelo Nicholai e, com a mesma faca, atinge Jill na testa, cravando-a, gerando um “game over”.


Aparições

  • Resident Evil 3: Nemesis;
  • Resident Evil 3 (2020);
  • Resident Evil: The Umbrella Chronicles – cenário Raccoon’s Destruction;
  • Resident Evil: Operation Raccoon City – campanha da Spec Ops e Heroes Mode;
  • Resident Evil 2 – Apocalipse (Resident Evil Apocalypse) – filme;
  • Resident Evil 3 – A Extinção (Resident Evil: Extinction) – filme;
  • Resident Evil 5 – Retribuição (Resident Evil: Retribution) – filme;
  • Minna to Biohazard: Team Survivor & Clan Master – mobile;
  • TEPPEN – mobile;
  •  Under the Skin – participação no jogo;
  • Resident Evil: Nêmesis (Resident Evil: Nemesis) – novelização por S. D. Perry;
  • Resident Evil – Apocalypse – novelização do filme por R.A. DeCandido;
  • Resident Evil – Extinction – novelização do filme por R.A. DeCandido.

Curiosidades

  • Desde o lançamento de Resident Evil 3: Nemesis, corre o boato que Carlos seria brasileiro. Não se sabe de onde surgiu essa ideia e ela nunca foi confirmada pela Capcom. Até agora a única coisa que se sabe sobre a sua origem é que ele é latino e viveu por um tempo na América do Sul;
  • Carlos tem algumas frases icônicas, mas a mais famosa foi proferida quando ele se exibia para Jill Valentine dando a entender que a ex-S.T.A.R.S. estava caidinha por ele: “all the foxy ladies loves my accent. It drives them crazy.”, que em uma tradução adaptada seria “Todas as cachorras adoram o meu sotaque. Deixa elas loucas.”;
  • Com a reimaginação de Resident Evil 3, percebe-se mais o quanto Carlos Oliveira é galanteador e brincalhão, mas também determinado e fiel, mostrando o quanto ele fica bravo por saber toda a verdade sobre a Umbrella, empresa que ele trabalhava fielmente a anos, sem saber de nada sobre as pesquisas ilegais. Isso não é caracteristico do personagem em Resident Evil 3: Nemesis, onde se vê um Carlos mais extremo e tenso com toda a situação, mas ainda sim galanteador.

Atores e Dubladores

Resident Evil 3: Nemesis
– Vince Corazza (Voz)

Resident Evil 3 (2020)
– Jeff Schine (voz)
– Benson Mokhtar (modelo de rosto)

Resident Evil: The Umbrella Chronicles
– Christoff Lombard (Voz)

Resident Evil: Operation Raccoon City
– Gideon Emery (Voz)

Resident Evil 2 – Apocalipse (Filme)
– Oded Fehr

Resident Evil 3 – A Extinção (Filme)
– Oded Fehr

Resident Evil 5 – Retribuição (Filme)
– Oded Fehr


Galeria

 


Saiba mais!


Perfil original postado em 3 de Julho de 2015.

Ultima atualização em 10 de Agosto de 2020, por Paloma Cristini.

%d blogueiros gostam disto: