Em um documento divulgado pela Capcom sobre os seus recentes resultados financeiros, a companhia disse que o futuro do mercado de jogos nas nuvens depende de uma pesquisa tecnológica com esse modelo de negócios. E isso envolve especificamente os dados de Resident Evil 7 Cloud Version, lançado exclusivamente no Japão para Nintendo Switch. O título carrega todos os elementos da Gold Version, mas funciona por meio de streaming e conta com um modo de aluguel.

Quando a empresa foi questionada sobre a sua situação atual nesse tipo de mercado e sobre o futuro, a Capcom revelou que o investimento não trouxe um impacto significativo nos ganhos e que vai continuar analisando as informações para, internamente, considerar uma expansão de jogos em cloud.

O documento traz ainda informações sobre o sucesso de Monster Hunter: World e como a companhia pretende manter o crescimento, especificamente de grandes títulos – novos ou que serão lançados. A ideia é realizar atualizações, trabalhar com estratégias de preços e fazer eventos que envolvam a comunidade no mundo real, alcançando assim mais jogadores. “Para os nossos títulos principais, como Resident Evil 2, além das nossas ações tradicionais, vamos reforçar o marketing digital para promover as vendas. […] Normalmente, trabalhamos vendas de grandes títulos entre dois a três anos.”

Sobre o desempenho de jogos no último trimestre, a Capcom evidenciou que Resident Evil 7 foi um dos destaques, assim como o fenômeno de Monster Hunter: World e os títulos Monster Hunter Generations Ultimate e Okami HD. Atualmente, a franquia Resident Evil está na casa dos 85 milhões.

%d blogueiros gostam disto: