Os fãs de Resident Evil não estão tendo um momento de paz nos últimos dias. Isso por que alguns detalhes sobre um novo título numerado estão sendo jogados no ventilador. Por mais bizarras que pareçam, indicações de um teste realizado com os embaixadores da franquia (Resident Evil Ambassador) continuam a ganhar força. A bola da vez vai para um protótipo de Resident Evil 8, que supostamente é conhecido como VILLAGE: Resident Evil – com as iniciais “VILL” em destaque como um oito em número romano “VIII”.

As informações da vez podem conter SPOILERS (via Rely on Horror):

  • VILLAGE: Resident Evil é Resident Evil 8. As iniciais teriam destaque como um “VIII“, assim como já foi feito com Resident Evil 7 e seu “VII”.
  • A abertura do jogo vai chocar os fãs de longa data e envolve Chris Redfield. Foram várias demonstrações com diferentes modelos de Chris, algumas com a forma mais velha do personagem de RE7 e outras com ele totalmente remodelado. Alguns dos testes envolviam uma Mia Winters grávida, já outros uma criança já nascida.
  • Ethan voltaria a ser personagem principal, só que mais “durão” até um certo ponto. Quem testou o jogo diz que ele se comporta como um “Ash Williams” (Evil Dead), meio-sagaz e meio-temperamental. Atores que dublaram personagens em RE7 também voltariam à cena.
  • Múltiplas versões de inventários foram testadas, de algo bem próximo do visto em RE7 para algo mais nas linhas de Resident Evil 4 – onde o jogador tenta encaixar os itens como se estivesse em um Tetris. O título também mantém o estilo em primeira pessoa.
  • A demonstração, de fato, iniciou em uma vila nevada. Com Ethan, o jogador explora algumas casas dos arredores. Ele tenta conversar com os moradores, mas todos relutam em falar com um estranho (e todos falavam em inglês).
  • A criatura que se parece com um lobo e que vazou previamente é descrita como um “homem fera”, que ataca com suas garras. Existiu uma cena de fuga, onde em algumas versões da demonstração não há acesso a armas e o jogador é obrigado a se esconder ou a se esquivar (de maneira similar à Revelations 2). Já em outras, há uma pistola que é completamente ineficiente e você também é forçado a correr ou se esconder.
  • Na demonstração, eventualmente, os jogadores chegam até uma shotgun e conseguem obstruir uma porta para atrasar os oponentes. Essa nova arma é mais efetiva que o revólver, mas o “homem fera” parece absorver essas cargas. Em algumas versões do teste, um sino toca (como em RE4) e esse inimigo desaparece enquanto outros são chamados por alguém.
  • O jogo seria teria uma inspiração forte em Resident Evil 4 e em Resident Evil 3.5confira mais detalhes nas versões beta de RE4. Foca em algo mais sobrenatural, mas não totalmente – com alucinações provocadas ou induzidas por um vírus. Essas alucinações dificultam o discernimento. Em algumas versões demonstrativas, há alguns gatilhos de flashback com uma “abertura chocante” ao encontrar Chris.
  • Entre os comandantes desses “homens fera”, há uma mulher perseguidora que se assemelha a uma bruxa. Ela assombra Ethan durante a demonstração. Há, ainda, um monstro “gorila” com “correntes e um cajado”. A bruxa não pode ser morta e se transforma em insetos ao ser atingida. Ela tem uma risada caricata, que indica ao jogador quando ela está por perto.
  • Algumas versões da demo te levam a um castelo, já outras ao encontro de humanos, moradores da vila, que te mostram um refúgio dentro de uma casa. Lá, um desses aldeões começa a alucinar e massacra os outros. O jogador consegue escapar com só uma sobrevivente, enquanto quem alucinou incendeia.

Todas essas informações não viriam de Dusk Golem, mas algumas delas batem com o que o insider já disse sobre a presença de Ethan, Chris e uma bruxa, além do planejamento do jogo para 2021. Ele acabou se pronunciando em seu perfil no Twitter depois desses supostos novos vazamentos. “Sei que muitos não vão acreditar até ver, mas vai acabar se tornando real. Resident Evil VIllage, lá vamos nós”, diz em um de seus tweets.

Ainda sobre Dusk Golem, ele fala sobre conexões do novo jogo com Resident Evil 4, reafirma que o plano era a Capcom apresentar RE8 na E3 e se diz chateado sobre os vazamentos do jogo. “Muitos dos elementos estão em processo de mudança. Não gosto de spoilers circulando antes do anúncio. Minha esperança é que os vazamentos de RE8 ajudem o título a ir bem. Eu acho muito empolgante, mas não é divertido com grandes spoilers rondando por aí. Acredito que muito disso seria eventualmente mostrado, com uma versão demonstrativa como vitrine de divulgação”, afirma. “Tenho certeza de que há ainda muita história que não sabemos e os detalhes estão mudando. Mas concordo que saber mais antes mesmo de vermos o próprio jogo não é exatamente divertido”, finaliza em outra série de tweets.

Destaque via Biohazardcast

%d blogueiros gostam disto: