A Variety divulgou com exclusividade o nome do novo diretor do reboot em live-action de Resident Evil. Trata-se de Johannes Roberts, contratado recentemente pela Constantin Film para levar a franquia de volta às raízes do terror – e olha que essa não é a primeira vez que esse tipo de termo é utilizado para definir a nova proposta. Johannes, conhecido pelo seu trabalho em Medo Profundo (47 Meters Down), também atuará como roteirista.

Recentemente, Greg Russo, outro escritor envolvido no projeto dos reboots, se manifestou sobre seu trabalho. Ele disse ter finalizado um roteiro focado na “volta às raízes do terror” para Resident Evil. Se as fontes da Variety estiverem certas, cabe a Johannes Roberts o desafio de entregar finalmente essa proposta para os fãs.

Ainda segundo as informações da Variety, o reboot de Resident Evil é uma prioridade para a Constantin desde que foi anunciado. A proposta toda dos live-actions já arrecadou 1.2 bilhão de dólares (ou mais 4 bilhões e 600 milhões de reais). Só o último filme, Resident Evil 6: O Capítulo Final, rendeu sozinho 312 milhões de dólares (ou mais de 1 bilhão e 200 milhões de reais).

A escolha de Johannes Roberts também não foi ao acaso para a Constantin Film, já que o profissional teve uma ascensão gigante com Medo Profundo, que arrecadou 44 milhões de dólares (ou mais de 170 milhões de reais) com um orçamento baixo, de 5 milhões de dólares (ou mais de 19 milhões de reais). Se ele vai conseguir aumentar consideravelmente a cifra bilionária da franquia Resident Evil? Só o tempo dirá!

Lembrando que o reboot dos live-actions de Resident Evil pode envolver uma série para TV. Atualmente, a Constantin trabalha bem próxima da Netflix, com várias licenças, como O Perfume, filme que terá episódios em formato de série de TV na plataforma. Mas dado a escolha do diretor, é bem provável que talvez essa hipótese não saia do papel e tenhamos uma nova sequência de filmes nos cinemas.

E só para pontuar: James Wan, outro profissional respeitado no mercado, continua envolvido no reboot de Resident Evil. Ele participou, por exemplo, do processo criativo dos bonecos Billy (Jogos Mortais) e Anabelle (Invocação do Mal), que são ícones bastante conhecidos de filmes de terror.

%d blogueiros gostam disto: